Outro Brasil: o lugar do país no mundo

Ex-chanceler Celso Amorim explica como o cenário geopolítico mudou, a partir da virada do século. As brechas que nos permitem deixar de ser subalternos aos EUA e União Europeia. As oportunidades reais que governo Temer tenta ignorar

[Este é o primeiro vídeo temático produzido a partir da entrevista de Amorim a “Outro Brasil” — um programa feito em parceria por Outras Palavras e o Canal Mova. A íntegra da entrevista (1h20) está aqui. Acompanhe a assine, também, nosso canal no YouTube.]

Gostou do texto? Contribua para manter e ampliar nosso jornalismo de profundidade: OutrosQuinhentos

Leia Também:

3 comentários para "Outro Brasil: o lugar do país no mundo"

  1. Ismael disse:

    Olá, responsáveis pelo excelente Outro Brasil. Sou um professor e historiador (desempregado no momento) com formação superior em História na Universidade do Estado da Bahia (Uneb). Estou escrevendo para, além de parabenizar a iniciativa de vocês, pergunta se vez ou outra, de acordo com a pauta da redação, este não poderia enviar textos para o site. Sou pesquisador na área de temática étnico-racial e em história política e social. Fora de minha área, me arrisco às análises sobre geopolítica e astronomia. Tenha um ótimo dia e independentemente de qualquer resposta, vocês continuarão com minha admiração e leitura. Abraços cordiais a todos. Professor e Historiador.

  2. josé mário ferraz disse:

    Lamento o pessimismo. Mas outro Brasil diferente deste onde um historiador é desempregado e um Neymar compra avião por quarenta milhões só será possível depois de outro mundo, que só será possível depois de outra juventude diferente destes imbecis futucadores de telefone e remadores em meio a bosta e cadáver em decomposição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *