🎙️ “Esqueçam o que o presidente falou”

O ex-ministro da Saúde José Gomes Temporão comenta o pronunciamento de Jair Bolsonaro: um desastre do ponto de vista político, epidemiológico e de saúde pública. Brasil, que já foi referência em outras epidemias, está agora na contra-mão

[Acompanhe o Tibungo em seu tocador de podcast preferido]

José Gomes Temporão em entrevista a Maíra Mathias, do Outra Saúde

Os números da pandemia de coronavírus hoje se tornam desatualizados no mesmo instante em que a gente fala sobre eles. Depois que os casos começam a se espalhar em um país, rapidamente passam a dobrar em poucos dias. É esse o caminho que o vírus está traçando no Brasil. Aqui, saltamos de cerca de 500 casos para mais de 2 mil em apenas uma semana.

Em meio a esse cenário, o presidente Jair Bolsonaro contraria tudo o que a OMS e especialistas do mundo inteiro vêm recomendando, e defende que as pessoas circulem normalmente no país. É sobre isso que conversamos hoje com José Gomes Temporão, médico sanitarista que foi ministro da Saúde entre 2007 e 2010.

Gostou do texto? Contribua para manter e ampliar nosso jornalismo de profundidade: OutrosQuinhentos

Leia Também: