Trinta grandes filmes que marcaram 2013

Nas telas, conflitos da desigualdade; viagens incomuns; choques culturais; educação em xeque; imigração e xenofobia; amor, amizade e suas tensões

Nas telas, conflitos da desigualdade; viagens incomuns; choques culturais; educação em xeque; imigração e xenofobia; tensões entre amor e amizade

Por Bruno Knott, em Obvious

o-som-ao-redor.jpg

O Som ao Redor

Bia é uma dona de casa depressiva cujo sono é interrompido diariamente pelo barulhento cachorro do vizinho. João é um corretor de imóveis que trabalha para o avô, dono de quase todos os apartamentos da região. Clodoaldo é o chefe de um grupo de segurança privada que oferece seus serviços para os moradores da rua. A partir desses três personagens a história se desenvolve, sem pressa e com uma impressionante riqueza de detalhes. Com um olhar clínico, o diretor disseca a rotina e expõe os medos, angústias e preconceitos desse verdadeiro microcosmo da sociedade.

amour.jpg

Amor

Por mais que assistir a Amor seja doloroso, trata-se de uma experiência das mais comoventes e sinceras oferecidas pelo cinema dos dias atuais.

django-livre.jpg

Django Livre

Tarantino é um dos poucos diretores que conseguem fazer da violência puro entretenimento, algo que fica ainda mais evidente aqui. Não é todo dia que uma história de vingança com sangue jorrando de maneira abundante nos faça rir em boa parte do tempo.

o-mestre.jpg

O Mestre

Paul Thomas Anderson nunca trabalha com temas fáceis e O Mestre não é uma exceção. Mesmo com uma temática difícil e pouco convencional, o filme chega a ser hipnótico, algo que se deve à técnica invejável do diretor e também às poderosas atuações do elenco, principalmente Joaquin Phoenix e Philip Seymour Hoffman.

os-miseraveis.jpg

Os Miseráveis

É um espetáculo vibrante de sons, músicas e cores. Há um certo exagero no melodrama em alguns momentos, mas isso acaba colaborando positivamente para o resultado final deste épico musical, grandioso em todos os sentidos.

a-hora-mais-escura.jpg

A Hora Mais Escura

A Hora Mais Escura mostra os dez anos da difícil busca pelo terrorista Osama Bin Laden. O fato de sabermos como tudo acaba está longe de atrapalhar essa intensa experiência. Ponto para Kathryin Bigelow e para Jessica Chastain.

indomavel-sonhadora.jpg

Indomável Sonhadora

Chega quase a ser um milagre cinematográfico o fato de três ilustres desconhecidos serem os responsáveis por essa bela historia. Acho que isso se chama talento.

na-neblina.jpg

Na Neblina

Dono de um ritmo lento e contemplativo, o filme nos transporta para a Rússia ocupada durante a Segunda Guerra Mundial. Investindo em longas cenas sem cortes e em uma fotografia primorosa, o diretor Sergei Loznitsa escancara a dolorosa realidade daquele povo. Na trama, acompanhamos um partisan desejoso de vingar a morte de seus companheiros. Ele acredita piamente que Sushenya foi o traidor. Com flashbacks reveladores, vamos compreendendo exatamente o que aconteceu.

a-parte-dos-anjos.jpg

A Parte dos Anjos

Dirigido por Ken LoachA Parte dos Anjos é uma comédia eficiente que investe em um humor negro de qualidade, além de apresentar situações emocionantes e muitowhisky.

a-caça.jpg

A Caça

Este filme dinamarquês mostra como uma mentira perpetrada por uma criança pode tomar proporções catastróficas. Um dos melhores do ano.

dentro-de-casa-2.jpg

Dentro da Casa

O diretor François Ozon nos oferece uma experiência que foge do lugar-comum, perfeita para aqueles que gostam de literatura e de suas possibilidades.

o-ultimo-elvis.jpg

O Último Elvis

Mesmo com uma atmosfera triste, O Último Elvis reserva alguns momentos divertidos e muitos números musicas de extrema beleza, nos quais o ator estreanteJohn McInerny (cover de Elvis na vida real) nos encanta com sua voz, com direito a versões arrebatadoras de Always On My MindUnchained Melody e I’m So Lonesome I Could Cry. Mais um grande acerto do cinema argentino.

wadja.jpg

O Sonho de Wadjda

Filme divertido, sensível e que parece trazer indícios de que a vida um dia pode melhorar para as mulheres do islã.

monsieur-lazhar.jpg

O Que Traz Boas Novas

Após o suicídio de uma professora de uma escola do Canadá, Bachir Lazhar é contratado e vai ter que lidar com crianças traumatizados e também com regras rígidas que impedem qualquer tipo de aproximação entre professor e aluno.

star-trek-into-darkness.jpg

Além da Escuridão – Star Trek

Temos aqui ação do mais alto nível, com efeitos especiais usados a favor da narrativa e elevando a dose de adrenalina nas horas certas. Capaz de agradar tanto aos fãs como os que não se interessam tanto pela franquia.

antes-da-meia-noite.jpg

Antes da Meia-Noite

Terceiro filme da dupla Ethan Hawke e Julie Delpy que formam novamente o casal Jesse e Céline, adorado por quase todos os cinéfilos. Aqui os diálogos estão ainda mais realistas. Simplesmente, não há como não se envolver.

ferrugem-e-osso.jpg

Ferrugem e Osso

Ferrugem e Osso possui várias cenas poderosas de genuína beleza, principalmente quando o roteiro foca em Stéphanie e nas repercussões do seu trágico acidente.

o-lugar-onde-tudo-termina.jpg

O Lugar Onde Tudo Termina

Uma história forte contada de maneira criativa e ambiciosa. Graças ao roteiro bem escrito, ficamos conhecendo muito bem os personagens principais e sentimos fazer parte de seus dramas.

tabu.jpg

Tabu

Tabu é o inebriante resultado da mistura entre o cinema e a poesia em uma das mais belas línguas do mundo, o português

frances-ha.jpg

Frances Ha

Frances Ha transborda sensibilidade e energia. Uma pequena obra-prima cujo sucesso se deve muito a atriz Greta Gerwig.

las-acacias.jpg

Las Acacias

Um caminhoneiro transporta uma mulher desconhecida pelas estradas da América do Sul. Com um ritmo cadenciado e vários momentos de silêncio, o filme nos absorve e nos coloca no lugar destes dois personagens extremamente autênticos.Las Acacias é realista e tocante.

gravidade.jpg

Gravidade

Um espetáculo visual único. Junto com Avatar é a melhor experiência que o cinema 3D já nos ofereceu. Alfonso Cuarón confirma o seu raro talento.

terra-firme.jpg

Terra Firme

O que parecia ser um filme leve com belos cenários naturais sicilianos, transforma-se em um relato contundente sobre imigrantes ilegais que se arriscam diariamente.

os-suspeitos.jpg

Os Suspeitos

Uma história de crime e investigação contada de maneira inteligente e intensa. Lembra um pouco Zodíaco, mas tem vida própria.

o-verda-da-minha-vida.jpg

O Verão da Minha Vida

Aquela velha história do garoto introspectivo que tem uma chance de trazer um pouco de luz para a própria vida. Além da amizade bacana que ele faz com um gerente de um parque aquático, o relacionamento dele com a mãe comove bastante, principalmente no ato final.

 

capita-phillips.jpg

Capitão Phillips

O diretor Paul Greengrass constrói uma atmosfera de tensão quase insuportável para nos contar a história real de um navio capturado por piratas somalianos. E ainda temos a impecável atuação de Tom Hanks, digna de prêmios.

amor-bandido.jpg

Amor Bandido

Jeff Nichols nos deixa totalmente imersos neste mundo belo e potencialmente perigoso do sul dos Estados Unidos. Com uma direção segura e calma, ele nos apresenta a vários personagens interessantes que ganham vida graças a qualidade dos atores, com destaque para Matthew McConaughey.

blue-caprice.png

Blue Caprice

Aproxime um garoto mentalmente influenciável e dono de uma mira perfeita com um homem com transtorno de personalidade, psicótico, vingativo e a facilidade de se conseguir armas. O resultado está em Blue Caprice. A violência é algo perturbador por si só, mas o que vemos aqui nos faz perder a esperança na humanidade.

somos-o-que-somos-filme.jpg

Somos o que Somos

Graças a um elenco comprometido e a um diretor talentoso, Somos o que Somos torna-se uma interessante e corajosa obra do gênero horror, com boas doses de mistério e de uma violência brutal.

blue-jasmine.jpg

Blue Jasmine

Mais um grande trabalho de Woody Allen. Na trama, acompanhamos a derrocada de uma socialite após a perda do seu marido. Atuação magistral de Cate Blanchett.

* Infelizmente, não pude assistir a Azul É a Cor Mais Quente e Rush, que talvez entrassem para a lista. Na sua opinião, quais filmes estão faltando aqui?

 

Gostou do texto? Contribua para manter e ampliar nosso jornalismo de profundidade: OutrosQuinhentos

Leia Também:

13 comentários para "Trinta grandes filmes que marcaram 2013"

  1. Ana Carolina disse:

    Curti todas as sugestões e só algo a acrescentar sobre A caça. Mais do que um filme sobre o que a mentira de uma criança pode causar, é filme que mostra o que a interpretação do adulto quanto à colocações das crianças podem causar.

  2. Enilda disse:

    Eu também inseriria na relação o filme francês “Intocáveis”.

  3. Patrícia disse:

    Tá faltando Life of Pi e Intocaveis!

  4. vera disse:

    Concordo com todas as indicações, vi quase todos, salvo a indicação de Gravidade, de que não gostei.

  5. Sofia disse:

    Para mim, faltou Tatuagem. Maravilhoso…

  6. Eliana Lustosa disse:

    Incluiria “Intocáveis”, belo filme, super espirituoso e bem humorado, além de ter um conteúdo humano fantástico… Certamente, muitos outros filmes maravilhosos rodam por aí… Valeu a dica!

  7. cristina santiago disse:

    Falta Azul é a cor mais quente.

  8. Marcelo de Amdrade disse:

    Acrescentaria “Hannah Arendt” e “O Capital”

  9. Patrik disse:

    Como o site pode publicar um elogio ao “A Hora Mais Escura”, uma franca apologia à tortura e ao terror de Estado dos EUA?

  10. Valdomiro Ferreira Neto disse:

    Eu inseriria três filmes: Depois de maio, Foxfire e Bling ring. Ainda assim, me identifiquei com tua lista

  11. Paulo. disse:

    Life of pi, intocéveis e A espuma dos dias.

  12. Flávia disse:

    os intocáveis é de 2011 e a vida de pi, 2012. bons filmes mas n podem estar numa lista de 2013 rss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *