Alcântara: começa mobilização contra entrega da base

20151102125418223007o

Entidades nacionais propõem: é preciso exigir debate público e frear acordo que transfere soberania sobre base de foguetes e bloqueia desenvolvimento tenológico do país. Leia nota

LEIA MAIS:

O ZUMBI DE ALCÂNTARA

Governo tenta retomar acordo para ceder aos EUA base de lançamento de foguetes. Conheça as cláusulas que vetam desenvolvimento tecnológico e ferem dignidade do país. Por Marcelo Zero

Entre os absurdos políticos que o Brasil está enfrentando hoje, destaca-se a continuidade da submissão às imposições neoliberais do Consenso de Washington, aplicadas pelo Banco Mundial e FMI desde os anos 90 do século passado aos “países em desenvolvimento” da periferia do capitalismo, por parte do governo brasileiro ilegítimo e corrupto, que usurpou a Presidência da República através de um golpe implementado pelo Congresso Nacional, legitimado pelo Judiciário e pela grande mídia.

A notícia de que o Sr. José Serra, Ministro das Relações Exteriores, retomou contatos para “oferecer” o Centro de Lançamento de Alcântara, no Maranhão, é mais uma comprovação do DNA entreguista desse governo. Este acordo já se mostrou não apenas desvantajoso ao Brasil do ponto de vista econômico e tecnológico, mas completamente ofensivo à soberania nacional ao permitir controle total ou parcial dos EUA sobre parte do território nacional, o que por si só o torna inaceitável.

Frente a tantos absurdos, os movimentos sociais, entidades da sociedade civil, organizações sindicais, igrejas e membros de partidos políticos que promoveram o PLEBISCITO POPULAR CONTRA A ALCA como celebração da Semana da Pátria de 2002, vêm a público, em nome dos 10 milhões de brasileiros/as que votaram contra a ALCA e contra a entrega do Centro de Lançamento de Alcântara aos Estados Unidos da América, para declarar que a decisão do governo ilegítimo de retomar “negociações” para a entrega do Centro será combatida novamente como uma prática de submissão neocolonial e uma traição ao povo brasileiro – como o está sendo também a política de entrega do petróleo brasileiro às corporações multinacionais.

Conclamamos a todas as pessoas e entidades que coroaram de êxito o Plebiscito Contra a Alca – e contra a entrega do Centro/Base de Lançamento de Alcântara – a se manifestarem publicamente contra a prática do ministro do governo golpista, José Serra, de impor relações internacionais a partir de sua vontade individual, sem debate e consulta ao povo. Lutaremos e resistiremos contra essa prática com todas as forças.

Ao contrário das políticas autoritárias e entreguistas do governo usurpador, que enfraquecem a democracia e aprofundam as desigualdades, seguiremos lutando em favor da verdadeira democracia, que reforce e não debilite, a soberania da Nação brasileira e qualifique sempre mais suas relações sociopolíticas, socioeconômicas, socioambientais e socioculturais da sociedade brasileira, inclusive suas relações internacionais.

SOBERANIA NÃO SE NEGOCIA!

Subscrevem:

Jubileu Sul Brasil

Consulta Popular

Cáritas Brasileira

Marcha Mundial das Mulheres

Sempreviva Organização Feminista

Grito dos Excluídos Continental

Coletivo de Mídia Memória Latina

Gostou do texto? Contribua para manter e ampliar nosso jornalismo de profundidade: OutrosQuinhentos

Leia Também:

2 comentários para "Alcântara: começa mobilização contra entrega da base"

  1. Luiz Moraes disse:

    Sr zero…desculpe Marcelo Zero, ou até melhor parafraseando momento atual, sr trump, verifique pelo menos quando esse processo ‘entreguista’ [dentro de seu absurdo fraseado…] se iniciou. Criar dubiedades, em caráter e gênero, é pelo menos desonesto, criar/oferecer desinformação gratuita é repugnante, buscar/informar sobre ‘parcerias’ somente com aqueles grupos que consideramos os escolhidos é menosprezar a inteligência do leitor, e assim prosseguimos observando a oferta banal de temas e informações desconexas. Salve pátria querida, nos livre dos extremistas vorazes.

  2. euclides de oliveira pinto neto disse:

    O Serra é um representante declarado dos “banksters”… já conseguiu aprovar a quebra da obrigatoriedade da Petrobrás em participar com 30% na operação do pré-sal… tirou a operação do controle da empresa… Agora, como ministro, está leiloando as riquezas brasileiras que ainda não foram entregues aos cartéis – o controle da água do aquifero Guarani e de um outro aquifero situado na Amazonia, com volume ainda maior… dentro em pouco, todos seremos a pagar pela utilização da água potável… inclusive no agronegócio…
    Com relação à Base de Alcantara, a situação estratégica da região, além de reduzir as despesas de lançamento pela proximidade com o Equador, vem sendo objeto de sucessivas ações de sabotagem, como a “explosão” do VLS (veiculo lançador de satélites) que causou a destruição da estrutura, do foguete e satélite que seriam lançados no dia seguinte, além de causar a morte de 14 cientistas, a nata do programa espacial brasileiro…
    a “grande midia” falou muito pouco sobre o “desastre” e as “investigações” foram encerradas rapidamente… agora, vão “entregar” a área para os norte-americanos, por um risível “aluguel” mensal… fatos como esses mostram porque nosso país é considerado um país de basbacas e será sempre uma colonia “quintal” dos interesses da VIRGINIA INC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *