A Cartomante, por Lima Barreto

Num conto do escritor mulato e maldito que antecedeu o Modernismo, retrato de preconceitos que persistem: homem de classe média surpreende-se, ao buscar nas cartas remédio para mandinga africana…

Gostou do texto? Contribua para manter e ampliar nosso jornalismo de profundidade: OutrosQuinhentos

Leia Também:

Um comentario para "A Cartomante, por Lima Barreto"

  1. Bia Sacramento disse:

    Adorei a sua leitura! Vou passar esse vídeo para os alunos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *