Oposição aceita Sarney

Acordo, em fase final de negociação, confirma que não havia princípios em disputa, conforme frisou blog do Nassif

Como previam os analistas mais lúcidos, a oposição ao governo Lula deu um grande passo, ontem, para recuar da tentativa de afastar o presidente do Senado, José Sarney. Encontros entre os senadores Sérgio Guerra (PSDB-PE) e Aluísio Mercadante (PT-SP) estão costurando um acordo, segundo o qual seriam poupados Sarney e o líder do PSDB no Senado, Artur Virgílio – que admitiu ter empregado com recursos públicos, por mais de um ano, o filho de um amigo, que passeava no exterior. O acordo é bola cantada pelo blog de Luís Nassif há bem mais de uma semana.

TEXTO-FIM
The following two tabs change content below.