Os estranhos poderes do Uber no Brasil

Como o presidente da corporação evitou uma lei que regulamentaria o serviço no país – após “conversas” com senadores e o ministro Meirelles

Negócios fechados: o presidente do Uber, Dara Khosrowshahi, vem ao Brasil em visita-relâmpago e é recebido em encontro especial pelo ministro da Fazenda

Negócios fechados: o presidente do Uber, Dara Khosrowshahi, vem ao Brasil em visita-relâmpago e é recebido em encontro especial pelo ministro da Fazenda

Por Roberto Santana Santos e João Claudio Platenik Pitillo

Nesta terça-feira dia 1º de novembro o Senado votou um projeto (PLC-28) que deveria ser a regulamentação do Uber e demais aplicativos de transporte privado. Ao contrário do estardalhaço dos apoiadores do Uber, o projeto era muito simples e visava adequar esses aplicativos ao Código de Trânsito Brasileiro. Reduzia a fatia – de 25% para 5% – a fatia dos rendimentos dos motoristas abocanhada pela transnacional norte-americana. Exigia, entre outras coisas, vistoria anual nos veículos, registro dos mesmos no nome dos motoristas e habilitação adequada para o transporte particular de pessoas. Regras básicas de segurança e legalidade.

As previsões sobre o resultado da votação eram amplamente favoráveis à aprovação do projeto. Eis que o presidente-executivo do Uber, Dara Khosrowshahi, em pessoa, veio dos EUA para o Brasil, sendo recebido por senadores e até pelo ministro da Fazenda Henrique Meirelles. Resultado? O projeto foi descaracterizado por emendas que visam deixar o Uber e os demais aplicativos operando acima das leis vigentes. Aprovado por ampla maioria, o novo texto foi remetido novamente à Câmara dos Deputados. Para tal mudança brusca de direção do projeto, é de se imaginar os mimos que a presidência da corporação tenha oferecido aos nossos senadores. O fato de um presidente de uma empresa estrangeira vir ao país e virar radicalmente uma votação no Senado dá dimensão do tamanho da força dessa empresa multinacional.

Ainda vamos pagar caro pela fetichização que a maior parte das pessoas têm pelo Uber. Enquanto ele serve para satisfazer o desejo de parte da população em andar de carro (e se endividar no cartão de crédito), tudo parece lindo. Quando a “plataforma” for aplicada nas demais profissões1, muitos vão hipocritamente se perguntar como isso aconteceu. A “uberização” do mercado de trabalho vai nos deixar com saudade da reforma trabalhista de Michel Temer. A “uberização” do mundo do trabalho vem sendo objeto de estudos e de severas críticas por parte dos organismos internacionais, como a Organização Internacional do Trabalho. Vários países europeus já se mobilizaram para impedir o Uber em seus territórios. O exemplo mais recente é o de Londres, onde o aplicativo teve sua licença cancelada

.

O governo brasileiro e o grande capital tentam vender o Uber como saída para o desemprego que atinge cerca de 14 milhões de brasileiros. O discurso do Uber para seus “parceiros” (como chama os motoristas, para não denotar vínculo empregatício) é o mesmo que os governos neoliberais usam para a população em geral: “se houver qualquer regulamentação o aplicativo ficará inviável! (…) Teremos que encerrar as atividades!” Exatamente igual às falas do tipo “a reforma trabalhista é necessária para gerar empregos”, como se a culpa do desemprego fosse dos direitos do trabalhador. Pura lorota. O Uber pagar mais impostos e seguir regras básicas de funcionamento e segurança não inviabiliza sistema nenhum. Mas prevalece a ganância de ganhar mais às custas do trabalho dos motoristas.

Ao contrário do que se pensa, não está em questão uma disputa entre taxistas e motoristas sem alvará para o serviço2 – mas a soberania e proteção ao trabalho. O Uber é o suprassumo dos desejos dos empresários, por estabelecer uma clara relação de trabalho sem proteção laboral, convertendo o trabalhador em “responsável” pela sua própria remuneração. Com a miserável remuneração das corridas do Uber, um/uma motorista do aplicativo trabalha em média de 10 a 12 horas por dia. Não há qualquer tipo de lei trabalhista que dê conta de proteger os motoristas de aplicativos, até porque, como ressaltamos, do ponto de vista legal essa modalidade de trabalho sequer existe para a legislação trabalhista e de trânsito brasileira.

A Uber, que diz ser uma empresa de tecnologia, mas opera no mercado de transporte sem ter um veículo sequer, tem objetivos muito mais lucrativos do que transportar pessoas. Suas metas passam por mapear o comportamento de todos os cidadãos, criando assim uma rede de informações vendável, sem nenhum controle estatal. Se conseguirem quebrar o táxi de vez, monopolizarão o mercado e poderão impor os preços, objetivo primordial de qualquer monopólio.

Roberto Santana Santos é Historiador e secretário-executivo da REGGEN-UNESCO. Doutorando em Políticas Públicas pela UERJ.

João Claudio Platenik Pitillo é Historiador e pesquisador do Núcleo de Estudos das Américas da UERJ. Doutorando em História Social pela UNIRIO.

1A prefeitura de Ribeirão Preto/SP do PSDB tentou fazer um “Uber” para professores recentemente. Após críticas o projeto está paralisado, por enquanto. https://www.cartacapital.com.br/sociedade/professor-uber-a-precarizacao-do-trabalho-invade-as-salas-de-aula

2https://blogdosakamoto.blogosfera.uol.com.br/2017/11/01/a-questao-principal-nao-e-uber-vs-taxis-mas-uber-vs-trabalhadores/

Gostou do texto? Contribua para manter e ampliar nosso jornalismo de profundidade: OutrosQuinhentos

Leia Também:

152 comentários para "Os estranhos poderes do Uber no Brasil"

  1. Reginaldo disse:

    Concordo plenamente,e também não devemos nos esquecer dos motoristas auxiliares dos táxis normais que também são explorados com diárias caríssimas e muitas vezes ainda são obrigados a pagar o custo da manutenção do carro.Na verdade todos os motoristas de táxi ou de aplicativos estão sendo explorados, o ministério público deveria entrar neste caso

  2. Reginaldo disse:

    Concordo plenamente,e também não devemos nos esquecer dos motoristas auxiliares dos táxis normais que também são explorados com diárias caríssimas e muitas vezes ainda são obrigados a pagar o custo da manutenção do carro.Na verdade todos os motoristas de táxi ou de aplicativos estão sendo explorados, o ministério público
    deveria entrar neste caso

  3. Leo disse:

    Exatamente, uma pena q a imprensa seja vendida e essa visão do tema não alcance a população em geral.

  4. Jesse Santos disse:

    Perfeita Analise… A Lei Para os “Poderosos” Não Existe Pais Hipócrita.

  5. Luiz Antônio Nunes disse:

    Olá. Sou motorista de táxi. Porém sou a favor dos aplicativos, pois podemos trabalhar com mais liberdade e ter o ganho integral. Ao passo que o táxi não é meu e por isso tenho que pagar pra trabalhar. Ou seja o km rodado, uma diária ou comissão. Sendo que trabalhando com os aplicativos sou totalmente autônomo. Se eu parar ninguém irá me cobrar nada. Se não parar estarei ganhando muito mais. Posso fazer meu próprio horário. Porque os aplicativos são desligaveis. É só apertar o botão para ligar ou parar. O UBER deve ser aprovado imediatamente até pra dar liberdade às pessoas de usar o que lhe for mais coveniente. Livre escolha. Nosso PAÍS deve ser mais democrático nesse sentido. Mas deve ser liberado incondicionalmente sem ressalvas de nr de habitantes . Para todos mesmo. Estado e municípios pequenos e ou grandes.

  6. Elvison Ramos Ventura disse:

    Como funciona os direitos trabalhistas para os taxistas?

  7. levi scaramussa disse:

    Ou o BRASIL TEM LEIS , OU NÃO TEM . O QUE SERÁ QUE FALTA PARA TEREN UM POUCO DE VISÃO , se eu abrir uma banca de jornal na esquina tenho de pagar os impostos, e tenho que ter uma autorizasao; ou alvara .o uber veio au BRASIL para lavar dinheiro. .acorda BRASI….existe alguma profissão não REGULAMENTADA ??O CONGRESSO TEM QUE TER CORAGEM . Ou vai dobrar os joelhos mais está vez……

  8. Luis Antonio disse:

    Parabens. Isso é a pura realidade. Governo corrupto que quer acabar com direitos trabalhistas assim como Uber.

  9. José Eraldo elias disse:

    A população tem culpa nessa história,nosso país tem um potencial pra dar um basta nessa lama toda,apoiam tudo que vem la de fora faze guerra no nosso país Brasileiro na terra deles leva cuspe na cara eles chamam as mulheres de nosso país de prostitutas tenho nojo disso tudo

  10. Paulo Schmitt disse:

    Boa tarde.
    Porquê iremos pagar caro??
    São contrários a modernização ou a favor de péssimos serviços prestados por uma ou varias concessões de serviços falidos??

    • Leandro disse:

      Não há qualidade como a Uber fala, vc está apenas repetindo frases prontas da Uber, como há qualidade em algo que a própria empresa fala que não se responsabiliza e muito menos cobra qualquer coisa do motorista “parceiro”, onde está a modernidade em copiar um serviço por app que já existe (99 táxi ou a easy táxi)? Menos repetição e um pouco mais de visão própria ou vai falar que Londres é atrasada???

  11. Nossa o texto e perfeito as pessoas não estão vendo mas este sistema e apenas uma brecha para o futuro eo fim dos direitos trabalhistas sem reformas. Mas o povo pode ficar ciente q o governo não vai deixar de arrecadar vai almentar impostos ou enventar outros

  12. Jefferson disse:

    Pouco tendenciosa a “reportagem”. Matéria servindo a quem?
    Segue o jogo…

  13. Orlando jorge disse:

    Este texto é uma aberração, uma mentira, pior! não tem qualquer fundamento. A regulamentação dos aplicativos não se limita só à Uber…
    Não tentem tapar o sol com a peneira à população. O circo do congresso nacional que só serve para dar benefícios aos palhaços dos parlamentares, com certeza muitos deles são donos de empresas de táxis.Deixem o egocentrismo e pensem mais na população. A globalização é a livre escolha de serviços, sem monopólios. ACORDEM PALHAÇOS,a população não está dormir…

    • Sandra disse:

      Orlando, aberração maior é “qualquer veículo” sem identificação sair transportando pessoas para gerar renda. Sou a favir da regularização do Uber… Vamos disputar de maneira leal, de ogual pra igual meu caro, se no táxi se paga X para ter o direito de circulação, nada mais justo os Ubers também pagarem X pelo mesmo direito. O Uber dá dinheiro para os Americanos, se regularizar eles irão lucrar muito menos e a lucratividade dos profissionais sera maior. “ACORDEM PALHAÇOS”

      • ANDRÉ LUIS GONÇALVES BARBI disse:

        Você está muito mal informada Sandra. Vou só citar alguns pontos para vc entender:
        – Quem fez monopólio foram os cartéis donos de cooperativas de taxis que nnunca tiveram concorrência aqui no Brasil. Sempre exploraram os motoristas, cobram preços abusivos e segundo os próprios usuários, a maioria não tem boa qualidade de atendimento.
        – As prefeituras por sua vez ganhavam muito dinheiro para liberar alvarás carissímos. Isso sem contar a corrupção nesse seguimento, que duvido que não tenha!
        – A mobilização ruim dos grandes centros com péssimo e caro serviço de transporte por parte das empresas de ônibus e trens, a falta de linhas de metrô e trens que não saem do papel devido a falta de vontade política e corrupção, serviram de brecha para os aplicativos entrarem.
        – Sou profissional da área de engenharia e pós graduado em Gestão Empresarial e depois de 30 anos no mercado, me quase 2 anos, tentando recolocação no mercado. Enquanto isso, comecei a trabalhar como motorista de aplicativo a 1 ano e posso dizer que é isso aue está pagando minhas contas. Trabalho 8 h por dia. E após conversar com quase todos os mais de 3000 passageiros que levei, posso te garantir que 80% deles nunca ou quase nunca utilizavam Taxis. Isso mostra que os usuários de aplicativos nunca foram usuários de Táxis. Eles sempre foram usuários de ônibus, vans ou usavam seus próprios veículos.
        – As empresas de aplicativos já pagam sim impostos e taxas para as prefeituras. Ou vc acha que as prefeituras são “boazinhas e honesras”?
        – O PL028 previa entre outros itens, placas vermelhas, proibição de utilizar carro alugado, ou seja, que não estivesse em nome do motorista e proibição de circular em outros municípios.
        – O que os aplicativos querem é melhorar esse texto, pois os Taxis também circulam com carros que não estão em nome dos motoristas, também circulam e pegam passageiros em outros municípios e ao contrário do que vc pensa, todos os veículos de aplicativos são registrados nas plataformas e pagam taxas para isso e os passageiros já possuem seguro para cobrir acidentes de trânsito.
        – Se os aplicativos realmente tiverem que se “tornarem taxis” conforme a lei, então os motoristas de aplicativos também deverão ter os mesmos direitos dos taxistas, como por exemplo: desconto na compra de carro zero km, poder rodar em corredores de ônibus, poder rodar em dias de rodízio, isenção ou desconto no pagamento de IPVA, entre outros.
        – Não acho que as empresas de aplicativos estão totalmente certas, pois também exploram e ganham muito em cima dos motoristas. Mas vc tem que concordar comigo que elas estão ajudando muitas pessoas na locomoção, com preços acessíveis, na redução de carros nas ruas, no número de acidentes causados por motoristas que bebiam e dirigiam, na redução de assaltos a passageiros em ficavam aguardando ônibus nos pontos, etc..
        – Esse texto produzido por esses dois ” sem noção”, é lamentável.
        Acham que está tendo Uberização. Então, são contra também do Google, do Waze, do WhatsApp, das montadoras de veículos, que são todas com origem em outros países, das empresas de celulares, de Tv e de inumeros outros produtos e serviços com origem estrangeira. Será que esses cavalheiros sem noção, não utilizam nenhum deles? Será que eles ainda não sabem que os serviços prestados pelas empresas estatais são péssimos e corruptos? Será que eles ainda acreditam em políticos brasileiros e nas suas promessas e caras de pau? Será que eles ainda acreditam que os políticos esrão preocupados em oferecer algum transporte público decente a baixo custo para a sociedade? Se não acreditam, então não atrapalhem o desenvolvimento da tecnologia, das pessoas quem querem trabalhar e das pessoas que precisam se locomover de forma rápida, acessível, de boa qualidade e honesta!! Vão fiscalizar os nossos políticos e provar que eles sim, são o câncer do nosso país!!

  14. Lidiane disse:

    A uber não veio para ser emprego fixo de ninguém. O objetivo da uber é você ter uma renda extra? Assim como a Hinode, polishopp, Marykey etc…se for pensar assim essas empresas de multirede também deverá ser considerado vínculo empregatício. A crise em nosso país e o desemprego esta tão grande que nós não temos outra alternativa a nao ser procurar meios que nos permita viver com o mínimo de dignidade

  15. França disse:

    O brasileiro tem fetiche de andar de carro? Qual o outro meio de transporte confiável pra maior parte da população?

  16. Fernanda Fernandes disse:

    Concordo que devem existir regras sim, e que ov trabalhador deve ser resguardado. Mas dizer que é fetichismo por carro é um desconhecimento absoluto da realidade. O transporte coletivo é uma piada além de ser um absurdo… Em Curitiba custa mais barato ir ao trabalho de uber do que de ônibus. Isso é fetichismo ou necessidade? Argumento bem equivocado este…

  17. Márcio Barizon disse:

    Fora UBER! Fora piratas! Fora todo serviço ilegal!
    Querem faturar sem pagar impostos e o senado apoia, porque são todos imorais!!!

  18. Euler Pimentel Pereira disse:

    Eu como taxista à 23 anos admitir que os valores sejam invertidos onde o CERTO se torna o ERRADO e o ERRADO se pravelecer as margens das leis, por conta disso se vão os nossos princípios e a dignidade dos trabalhadores agora é o vale tudo as leis das vantagens foi empurrada a força para a população, que à grosso modo se corrompem pelo ” direito de escolha ” sem pudor algum o que querem? Transformar o país num outeiro e só assim se ganha mais dinheiro. Já dizia o saldoso cazuza. Esta política atual que à cada dia se afoga na CORRUPÇÃO envergonhado o país inteiro, quando deveriam estar atentos na construção de um país mais justo para TODOS, sinto muito pois minha profissão da qual sempre fui digno está ameaçada de extinção e acredito que outras se perderam no mesmo caminho de um país sem ÉTICA, sem MORAL e a ilusão do patriotismo de quando haveria de ter ORDEM é PROGRESSO em um país atolado na sujeira da corrupção, pode se esperar na maioria de uma POPULAÇÃO fazendo pouco de muitos afundados na mesma lama. E ASSIM CAMINHA À HUMANIDADE.

  19. Euler Pimentel Pereira disse:

    A população
    A política
    Os poderes públicos
    Sem distinção, são culpados de tudo que à de errado no nosso país
    Fizeram um país das vantagem
    Passaram um rolo compressor na dignidade dos trabalhadores humildes e com caráter.

  20. jorge disse:

    como podemos acreditar em nossos governantes, hoje o que mais vemos no país é corrupção e como seria diferente se antes da votação eles se reuniram com os senadores e o próprio ministro da economia, esse é o nosso Brasil amigos, a palavra é CORRUPÇÃO E NADA MAIS

  21. Antonio disse:

    Desisti de ler logo no primeiro parágrafo, A matéria começa tão tendenciosa que parece que foi escrita pelo próprio presidente do sindicato dos taxistas de algum lugar.

  22. Willian disse:

    “…tem objetivos muito mais lucrativos do que transportar pessoas.”
    Nossa, uma empresa privada que quer ganhar dinheiro! Que coisa hein, rsrs.
    “Suas metas passam por mapear o comportamento de todos os cidadãos…rede de informações vendável, sem nenhum controle estatal.”
    Assim como o Google, Facebook, Twitter e outras centenas de empresas de tecnologia.
    Uber é e sempre será melhor que qualquer taxi. Opinião de qualquer pessoa que já tenha usado ambos.

  23. Euler Pimentel Pereira disse:

    Está chegando a hora da população não falar mal dos políticos e cobrar dos mesmos, pois quando aceitamos o caminho errrado pois é mais confortável
    Existe um ditado bíblico que diz assim: me diga com quem tú andas que lhe direi quem és, então andas com corruptos? Serás um deles.
    Meu maior medo é o que será das próximas gerações?? Como será governado o nosso país????????????????

  24. Ronaldo s.martins disse:

    Na minha opinião a uber não deveria ser banida do país mais sim fiscalizada porque 25%que eles tiram do motorista é um roubo.

  25. Nivaldo disse:

    Vivemos em um país altamente corrupto, o Uber comprou os parlamentares, reunião com o ministro da fazenda ? É óbvio o porque a população vai pagar um preço alto por mais essa corrupção, o amanhã chegará e chegará também o arrependimento de todos aqueles que apoiaram os aplicativos exploradores dos pobres motoristas,

  26. Marcello Moreira disse:

    Esse autor, que se diz doutor em algo deve ser muito idiota ou está sendo comprado.
    Pois como defender uma classe (taxista) onde o dono aluga seu veículo e sua placa e vai pra casa dormir esperando o escravo vir diariamente deixar o seu suor, sem respeitar nenhuma lei.
    Agora será que é proibido um gestor de uma multinacional se reunir com políticos para defender suas teses. Ou é comprado ou puramente invejoso.
    Uber agora, e qualquer outra empresa que dê lucro amanhã, do que idéias de doutores defasados pensando no seu bem e esquecendo do bem alheio.

  27. Concorda que é uma forma digna de conseguir uma renda extra

  28. Matheus disse:

    As pessoas tem o direito de usar o aplicativo que quiser, seja pra andar de carro particular ou até encima de uma cabra se quiser, quem é esses merdas do governo pra dizer o que eu tenho ou não que fazer? Cuidem das suas vidas, se não querem usar SE FODAM, não usem. Vocês tem o direito de não usar, mas não o de impedir qualquer pessoa que queira de usar, site lixo.

  29. Joaci Amaral disse:

    Não se preocupem,com a migalha que os motorista ganham logo logo esse serviço irá acabar,só ganham pra abastecer e algumas migalhas a mais!
    Já vejo no futuro próximo motorista se reunindo pedindo melhorias!

  30. Júnior disse:

    Se a questão do desemprego é justificado para tudo de errado que o Uber faz. Então vamos liberar o tráfico de drogas. Afinal gera muitos trabalhos e renda para pessoas sem emprego e educação. Saudade da ditadura onde tinha saúde. Educação. Segurança e não via tantos imbecis falando besteira.

    • Luiz Fernando disse:

      Concordo com vc. Desse jeito, vai ter muito mais transporte (ilegal/legal) do que passageiros. A fatia de lucro será migalha. Uber e afins são um câncer. Em todas as profissões tem os honestos e os idiotas. Façam as contas…

  31. Leo disse:

    Na verdade com o uber sem o uber com o táxi ou sem o táxi com serviços bons ou não vcs são todos idiotas além de sustentar empresários de táxi e empresas de outros países vcs não se importam com porra nenhuma só querem o mais barato além disso os políticos q deveriam dar empregos pra vcs eles q teriam q fazer o q não fazem mais vcs fudidos só pensam em se beneficiar mais não brigam por um país melhor só sabem reclamar povo brasileiros #idiotaspoliticosfazemoqquerem

  32. Mauricio disse:

    Engrassado como nenhum historiador ou doutor em qualquer coisa dá emprego para a população, mas em contra partida seguem escrevendo artigos para defender suas teses, pura hipocrisia porque falar besteira estando com seu salário garantido no final do mês é bem fácil.direitos trabalhistas, estabilidade, e outras coisas defendidas por estes pseudo sábios se torna maior que alimentar a propria familia. Só os taxistas são trabalhadores os outros são o que????

  33. KNGR disse:

    Engraçado,nunca vi uma reportagem com ética profissional ser tendenciosa como nitidamente se percebe no corpo do texto dessa “reportagem”, mais engraçado ainda é citar monopolização por parte da Uber, se até a pouquíssimos anos os táxis eram os únicos no meio de transporte em carros particulares, disputando com ônibus e metrôs, enfim, país quebrado afundado em dívidas e índices de desemprego, quando vem serviços gerando emprego e principalmente TRIBUTOS a união, são criticados por páginas ridículas como essa, chega a ser nojento ler tanta asneira numa página só.

  34. levi scaramussa disse:

    Para aonde vai os ( três bilhões de reais ) que o uber , cabifay que arrecadam por mês ? Deixando o Brasil cada vez mais pobres …. Acorda país ….

  35. Tamir disse:

    O Sr. Dara Khosrowshahi veio ao Brasil representar os interesses da Uber que nesse caso são os mesmos da população. A sociedade está acolhendo as boas idéias e rejeitado a mão podre do estado brasileiro.

  36. Giba disse:

    Olha Levi Scaramussa, + ou – 8.000,00 vai para a minha conta, portanto estou satisfeito. E você?

  37. Albert disse:

    Povinho corrupto

  38. Luis Antonio disse:

    O dinheiro que Uber rouba dos parceiros e escravos serve para desenvolver carros autonomos, que futuramente irao substituir os milhares de desesperados motoristas que levarao um pontape na bunda sem direito a nada.

  39. Albert disse:

    Infelizmente não adianta alguém querer abrir os olhos desse povo ignorante, imediatista, hipocrita e por que não dizer corrupto tb.Esta empresa não respeita nada nem ninguém, pois sabem que estão no topo da hierarquia dos poderes, representando o quarto e mais importante poder desse país,o dinheiro.Por isso se colocam acima de qualquer lei ou constituição.Podem comprar tudo e todos, seja através de balinhas, aguinhas ou alguns milhões de dólares, a depender do tamanho do corrupto.

  40. Matéria maliciosa,pregam e querem tantos direitos e esquecem das oportunidades em meio a crise causada pela inabilidade de uma política falida, acordem, qualquer empresa visa lucro, se Uber não fosse uma opção valida e dinâmica para milhares de desempregados eles não a usariam, dêem opções por favor? simples assim, ninguém é obrigado a usar nada, a questão é que o país está ferrado graças ao barril de burocracia para vendas de soluções, países de primeiro mundo usam o Uber da mesma maneira que aqui em nosso país, a diferença é que nesses países, há muita disponibilidade de trabalho muito menos burocracia para se trabalhar e as pessoas que querem oportunidades simplesmente trabalham, Brasileiros há muitos anos deixam o Brasil pra irem trabalhar nesses países “sem milhões de direitos e burocracia” e aqui… como sempre, querem uma pilha de direitos, que só funcionam no papel, que desde a carta Magna de longe são cumpridos, inclusive os direitos universais do homem que está na carteira de trabalho rsrs, essa matéria é uma piada de mal gosto de esquerdistas pró comunistas anti democráticos, vão para cuba, lá não tem Uber…

  41. Antônio da Rocha Rogatto disse:

    ANTÔNIO- TAXISTA SÃO PAULO
    Concordo plenamente com a tese.
    Nossa legislação é clara e cristalina, mas os advogados se valem da hermenêutica (interpretação da lei a favor de seus interesses) para distorcer as leis.
    A UBER faz transporte público e quer convencer a todos que NÃO é público.
    A UBER colocou um bicho em cima da mesa que tem pêlo de gato orelha de gato mia como gato, mas diz que é cachorro…..rs
    A lei federal 12587 define o modo de transporte da UBER, transporte motorizado privado , apenas como um meio de transporte porque NÃO tem a palavra serviço. É sendo assim NÃO pode haver nenhum tipo de pagamento para esse tipo de transporte.

  42. Candido pereira disse:

    Me explique uma curiosidade, como os Brasileiros sem emprego tem que pagar uma taxa para os Ianques Imperialistas que sempre escravizaram todo o mundo para eles nos informar onde está o serviço.

  43. Renan disse:

    Correção. Deixando o estado cada vez mais pobre. Eu poupo meu dinheiro com uber.

  44. Marcos disse:

    Artigo tendencioso …
    Sou apenas usuário da Uber e tendo pela escolha …
    Este artigo leva a crer e entender a opinião de quem assina ..
    Gosto de artigos que estimulam o pensar e não a opinião de quem escreve este é excelente para uma mesa de bar não para um veículo de comunicação 🙂

  45. Joao carlos disse:

    Mais uma matéria para pelos taxistas. Pq não questionam os taxistas que têm muitas licenças e alugam com diárias extorsivas?

  46. Joao carlos disse:

    VIVA O UBER!!! VIVA A LIBERDADE DE ESCOLHA!

  47. Vhsjbebnk disse:

    Discordo em partes, pois a Uber vem beneficiando muitas pessoas que passam por situações difíceis no país, como o desemprego em massa e também aqueles indivíduos que buscam uma renda extra que se encontram endividadas neste momento de crise em que vivemos. Até por que infelizmente essa nova lei trabalhista visa mais o lado empresarial do que propriamente o do trabalhador brasileiro, nos encontramos em um país cujo faço uma analogia a um ” trabalho escravo legalizado”. O trabalho da Uber não é diferente, pois tem que trabalhar por horas exaustivas para ganhar uma quantidade razoável

  48. Silvio dos santos disse:

    Sem pagar imposto vai fica homem mais rico do mundo e unico homen que consegui isso parabéns

  49. Roberto disse:

    Interessante a forma de abordagem do tema, mas algumas perguntas ficam:
    – Os taxistas também vivem a margem dos direitos trabalhistas.
    – Quase metade dos taxistas não são donos dos táxis, eles arrendar o táxi, pág diárias ao próprietario qie na Maioria das vezes você de renda dos táxis, mais ou menos como pagar um percentual das corridas.
    – Um táxi, ou como dizem um placa, Pode chegar a 100 mil reais, fora o carro, ou seja, para se ter um táxi é para poucos, muitos poucos, e por isso é um monopólio, onde temos qie aceitar o preços, pois até agora não havia concorrência.
    – taxistas trabalham em média 12 horas dia.
    Por ai vai, essa lei qie queriam criar viajava unicamente manter esse feudo, manter as pessoas obrigadas a aceitarem os táxis, sem opção nenhuma. Se houve ou não interferência não sei, mas essa lei não poderia passar.
    Regulamentar sim, extinguir nunca.

  50. Robinson Barros Paulo disse:

    Matéria patética!
    Tendenciosa ao extremo, polarizada e de cunho político! Sem contar os argumentos pobres retrógrados!
    Como sempre nos dias atuais, somos obrigados a ver, ouvir ou ler por vezes pseudo doutores disso ou daquilo q só sabem defender uma agenda ultrapassada e reacionária.
    Que ânsia!

  51. Daniel disse:

    Adaptem-se, ou vão perecer. O mundo está muito rápido para se prender a regras de 50 anos atrás

  52. Paulo Fabiano Barbosa disse:

    Olá Roberto, pode avaliar, minha mãe, 70 anos me disse hoje que a Caixa Federal impôs a troca de cartão de aposentadoria/ pensionista para um cartão conta corrente. Com TAXA de R$ 25,00 por mês.
    Imgino a arrecadação em razão disso.

  53. VINICIUS ANDRADE DOS SANTOS disse:

    Eu não tinha pensado por esse ponto de vista, e parando para pensar e refletindo, cheguei a conclusão de que concordo com o autor da matéria. Muito bom.

  54. E verdade a população agora tá aplaudido essa empresa americana explorando os como eles dizem q e parceiros q na verdade é empregados deles e verdade eles querem acabar com o táxi pra monopolizar o serviço.Essas pessoas q aplaude mas pra frente podem se arrepender.E a verdade é quem aplaude o Uber não pode reclamar da corrupção

  55. Jose Antonio disse:

    Sou taxista a 25 anos, no começo os aplicativos cobravam 9% de taxa agora cobram 15%, por isso estou parando de usar muito caro..

  56. Sandro Brito disse:

    Concordo com vc plenamente

  57. João Verissimo Ribeiro disse:

    Lamentavelmente o poder público não consegue prestar um serviço de transporte público adequado, permitindo que uma empresa estrangeira fique com os referidos 25% (incluindo impostos). Nunca ouvi falar que os motoristas São obrigados a trabalhar, sendo que sempre que falo com motoristas, todos estão satisfeitos. É bom para a população, bom para os motoristas e bom para a Uber. Só é ruim para os donos das linhas de táxis.
    Se tratar de “soberania” e afirmar sobre monopólio demostra que os autores são uns alienados.

  58. Motorista UBER,99 E XABIFY disse:

    Choro de taxistas e das suas magias de sindicatos que como eles estão com os dias contados.
    Vão lavar uma louça!!!
    Da qui a pouco vão dizer que o UBER E DO CAPETA!!

  59. Antônio da Rocha Rogatto disse:

    Antônio- Taxista de São Paulo
    O que o Presidente da UBER veio fazer no Brasil?
    Vcs já ouviram falar em CRIPTOMOEDAS? (Impossível de rastrear ou detectar repasses).
    Não sejamos ingênuos, a UBER é uma empresa de tecnologia administrada pelo demônio que veio para destruir o inimigo e é o que estamos presenciando.
    Os jovens são impacientes, ansiosos, destemidos, irreverentes, inconsequentes, rebeldes, porém, facilmente enganados. A UBER os estão
    usando como massa de manobra, vendendo a falsa ilusão que é uma nova tecnologia e que precisa ser regulamentada e ainda atraves das redes sociais os jogando contra os taxistas, o governo e a legislação.
    A UBER usa o seu poder econômico com propaganda em horário nobre e usando a população como escudo para ludibriar as autoridades, legislativo e judiciário, etc…
    Os jovens não querem saber de nenhum envolvimento do estado, mas bem ou mal o responsável pela segurança e integridade da população é o mesmo.
    O fato é que a Lei Federal 12587 define o UBER apenas como meio de transporre NÃO o classificando como serviço. E assim, NÃO pode haver nenhum tipo de pagamento.
    A população em geral e em especial os jovens , estão deslumbrados com o UBER, que se diz uma empresa AMERICANA, mas com sede na Holanda, mas estão sendo ROUBADOS.
    Finalizando acredito em Deus e na justica e logo tudo se resolverá com equilíbrio e harmonia social.

  60. Eu decido e não você disse:

    Que material mais ridícula! Tb foi escrita dentro do sindicato dos taxistas como a sua lei unilateral?
    Só numa das questões idiotas, sem citar as outras, diz que o motorista tem que ser dono do carro, mas nem taxista é obrigado a isso!!! Kkkkkk
    Vcs taxistas, além de nojentos, são mafiosos. Só o monopólio lhe importa.
    Vai pro.inferno, vão desaparecer.

  61. Sou Tx concordo com toda esta transformação mas não com estes aplicativos chega a qui no Brasil e cobra 25% em sima de cada corrida e isto ser normal por isso que é tão barata as corrida deles sem colocá um pneu sem colocar gasolina sem ter manutenção do veicolo em quanto nos temos todas estas despesas tomará que estes aplicativos lance ônibus barco

  62. Candido pereira disse:

    Em alguns lugares se fala em BRASIL, jurar a Bandeira e na Pátria. Fora dali e só roubar,roubar e roubar. Sangue imundo.

  63. Paulo Lima disse:

    Não sei quem criou esse texto, só sei que é o texto unilateral. De onde vem a única insatisfação com o Uber? Na sua totalidade, vem dos sindicatos, associações e cooperativas de taxistas, onde o pano de fundo, é sempre um prazer, seja qual for a esfera. O que era proposto no antigo projeto, não era uma regulamentação, era sim a inviabilidade da permanência dos sistemas de aplicativos. O desemprego é a realidade do país, e querer aumentar os números é no mínimo inrespissabilidade. Essa semana um repórter da TV Bandeirantes fez o inteligente comentário” se o Uber não iguala os preços aos dos táxis, por que os táxis não iguala seus preços ao do Uber?”
    Segue a minha sugestão aos taxistas, baixem seus preços e vamos disputar os passageiros na qualidade dos serviços prestados, somente assim todos sobreviveram.

  64. Orlando disse:

    Kkk cheio de motorista uber com mímimi falando de taxista! Assunto são vocês kkk

  65. Rodrigo Luan disse:

    Só li uma matéria de pessoas tendenciosas, não querendo uma livre concorrência. Controle estatal? Porra, que bosta que o socialismo está fazendo com as pessoas? Livre comércio, isso sim, pelas pesquisas feitas aqui na minha cidade, nenhum taxista perdeu rendimentos, eu já usei em casos extremos táxis, mas prefiro utilizar Uber, por achar cômodo e muito melhor o serviço. Podendo avaliar o motorista, temos uma rota correta de acordo com GPS, e muitos taxistas se aproveitam de turistas e fazem a pior e maior rota possível como já aconteceu comigo, só para terem mais km rodados.

  66. Roberto Pantoja disse:

    Viva o Capitalismo e o livre mercado!

  67. Fabio disse:

    Muito engraçado, texto muito PETISTA…
    O Brasil já arrecada muito com o Uber e com os outros Apps, ou vcs acham que essa operações de crédito não são tributadas?
    Professor, Bombeiro e Policial, todo brasileiro sabe que são profissões mal remuneradas, seguem elas quem quer… A Uber é a mesma coisa, só entrar quem quer.
    Sabem o que os motoristas por app querem? Que se regulamentado o serviço e que continue a mesma coisa… Se vier junto uma isenção de impostos para comprar de carro ou uma possível diminuição das taxas dos apps ótimo, se não, dane se… Entra quem quer…

  68. Max opina disse:

    Reportagem contra a Uber e milhões de brasileiros a favor da Uber, então deixe de publicar matérias tendenciosas antes que ninguém leiam o que vocês escrevem.

  69. Murilo disse:

    Cara. Vc fica puxando saco de taxista?
    Ele tá cagando pra vc. Os caras já tocam o fodasse, imagina se fossem os únicos.
    Só a sua elite pode andar d carro né? Os que não podem pagar táxi q se fofam e se espremam nos ônibus. Bando de burgurs safado.

  70. Edson disse:

    Me desculpe mas não concordo com este texto oque nao entendo e como os taxicistas que ate entao prestarão um pessimo serviço cobrando um preço abusivo nao caem na real e se reinventa
    Uso o serviço do uber e estou muito safisfeito e pelo que ja conversei com os motoristas eles tambem estao

  71. Hal disse:

    Falou merd*… E quais garantias trabalhistas que os taxistas tem? Quem tem medo do uber são os proprietários de frotas de táxi que alugam por diárias absurdas e também as prefeituras que vendem as licenças para táxis por mais de 150 mil reais.

  72. CLAUDIO GILBERTO BORSATTO disse:

    Concordo e complemento! Ninguém está falando,o transporte coletivo está um caos. Em Porto Alegre o prefeito tentou extinguir a segunda passagem gratuita. As lotações estão quebrando, o transporte escolar recebeu o benefício de envelhecer a frota e os ônibus estão alongando seus horários. O raciocínio é lógico: passageiros do táxi, da lotação, da escolar e muitos do ônibus passaram para os aplicativos. O rateio que dimensiona o valor das passagens está adulterado. Como ficarão os pobres que dependem do transporte coletivo? E o retrocesso; enquanto no primeiro mundo o transporte coletivo é o foco, aqui as ruas lotam com o individual. Quem ganha? Certamente não ê o motorista do aplicativo, é só fazer a conta. Obrigado

  73. Lucas disse:

    Esse comentário hipócrita de que o dinheiro vai pra fora do país é balela!!! Parem de comprar então carros alemães, americanos… produtos industrializados como salgadinhos e bolachas, energéticos whiskeys e vodkas!! Vaido lá pra fora também! (Seguindo a lógica de quem tem bosta na cabeça) Uber tem sede em São Paulo… Notas fiscais são emitidas, impostos são pagos! Querem é arrancar mais dinheiro do Uber e impossibilitar o serviço!

  74. Alexandre disse:

    Porque aqui é Brasil,toda essa enganação de regulamentação dos aplicativos tinha um nome PROPINA,e o velho jeitinho brasileiro.
    Te ofereço dificuldades pra vender facilidades.

  75. Fodase disse:

    Reclame menos é trabalhem mais.
    Vocês reclama de tudo!

  76. Antonio c matos disse:

    A população não tem um transporte público bom e é por isso que aprovaram o Uber no seu dia a dia.os ônibus são demorados caros caindo aos pedaços na maioria das cidades param muito cedo e a Uber veio ajudar a população em geral tanto pobres como ricos.

  77. Diego disse:

    Matéria claramente feita por um esquerdista . Do jeito que ele fala parece até um crime ser empresário . Quem assina carteira dos taxistas?
    Como o idiota fala de monopólio da Uber sendo que já existem vários outros aplicativos.
    Jornalismo preguiçoso e tendencioso .
    Lixo de matéria .

  78. Souza disse:

    Eu era motorista de ônibus executivo aqui no Rio, trabalhava 12 à16 horas por dia, meu contra cheque era lindo de se ver, quando eu via os descontos, dava angústia de ver tantos desconto. Quando precisei trocar de horário de trabalho por motivo de incompatibilidade de horário com minhas filhas e faculdade da minha esposa, fui demitido por justa calsa. Hoje sou motorista Uber ou APP, com muito orgulho, continuo a fazer o que eu gosto, que é dirigir, e estou sempre a prova, fiscalizado pelos meus passageiros. A pessoinha que diz que Uber não paga impostos, tá maluco, eu pago IPVA, seguro para táxi da porto seguro,autonomia como motorista profissional ( pleno), vistoria anual do carro é feita pelo Detran ( órgão público). E tem taxista que tá reclamando que ganha 5.000 por mês dizendo que tá ruim, porque eles ganhavam 12.000 à 15.000 ao mês. Pra mim é tudo burro. Pq eles não aproveitaram que ganhavam tão bem e não foram fazer uma faculdade pra ter a estabilidade que eles queriam. E outra, meu carro é 2017, conheço vários táxis que rodam em Campo Grande, inclusive um deles é de um conhecido meu que não tem ar, seguro, e desde 2010 não faz vistoria no carro, documentos do carro todo atrasado. E a maioria que é táxista no Rio é tudo BUCHA de dono de carro, eles pagam 120 reais a diária do táxi pra poderem trabalhar e enquanto isso, o dono do táxi tá rodando de Uber, com APP ligado com seu carro particular. Falo pq conheço uns 5 que fazem isso.

  79. Diego disse:

    Trabalho com a cabfy e Uber ganho 5mil por mês . Uma alternativa digna de trabalho já que essa merda de país é missão impossível ser empresário.
    Me dá nojo de ver os comentários dos acéfalos sobre o tema.

  80. Robson disse:

    O Governo têm que parar de interferir/atrapalhar a iniciativa privada.

  81. Adriano Alves Orosco disse:

    Achei essa matéria muito tendenciosa , quem disse que a votação favorecia os taxistas?? O senado queria se livrar dessa batata quente , então votou pela aprovação ,refez alguns ajustes e devolveu pra câmara , simples assim , a Uber não é a solução para o desemprego mas está colocando o pão na mesa de muita gente

  82. Nome João disse:

    Todos nois temos livre espaço de trabalho sendo ele correto como pode uma prefeitura exigir tanta regra todo ano para taxista ou moto taxi se o uber so precisa ter um carro 2008 uma habilitação e um aplicativo ee pronto já esta atrapalhando quem e certo eu sertamente não entendo nada neste Brasil.

  83. Rosino disse:

    Pura verdade serviço pirataria irregular só no Brasil e Brasileiros escravos de aplicativos por falta de opção e não resistem por muito tempo e não tem direito de nada e prejudicam quem. Tem seu trabalho registrado falta ética vergonha na cara

  84. Jorge l. disse:

    Análise superficial e totalmente tendenciosa.
    Esquecem, os analistas, da avalanche que será a entrada do efeito Blockchain.
    A base da futura economia e democracia é o livre comércio com regulação adequada é grande teor inovativo e tecnológico.
    Assim, seria melhor que briga fosse pela geração de novos conhecimentos e sei emprego na geração de riquezas. Mas, De forma avarenta o governo e corporações se posicionam de forma a proteger um tipo de comércio que favorece o “jogar lixo no chão para gerar emprego de garis”. Estes motoristas de Uber ou taxistas deveriam estar gerando novo conhecimento e criando o próximo Uber.
    Já se dizia que a nova guerra seria tecnológica, pois bem ela já começou e se chama comércio tecnológico.
    Fiquem parados e caiam na obsolescência.
    Sim sou a favor não do Uber em do, mas da base na qual ele se sustenta.

  85. Rubens Bathke Junior disse:

    Estranho não perseguirem empresas como a Avon, Natura, e assemelhadas… livre concorrência é isso. Este mercado de trabalho “formal”, de carteira assinada, nunca me atraiu. Você é explorado veladamente e tem que buscar um advogado para receber o que é seu por direito. A Uber, Avon, Natura, pelo menos deixam claras as regras e entra quem quer ou precisa dessa renda, complementar ou não. Vai depender da sua iniciativa e conhecimento de gestão.

  86. Adriano disse:

    Infelizmente o brasileiro demora para entender as coisas e quando entende, já era,em vários países mais desenvolvidos, o Uber já foi banido, Uber é uma multinacional, que veio para acabar com o Brasil, arrecadando bilhões e deixando cada vez mas pobre TD a população, pois TDS se endividam, e acabam vendo isto só quando já aconteceu. Se liguem

  87. Anônimo disse:

    A verdade é que todos os trabalhadores brasileiros são explorados de alguma forma. Eu ainda estava acreditando nos argumentos que os motoristas do Uber estavam dando a favor do aplicativo, mas seu ponto de vista esclareceu algo maior… Se a empresa não for regulamentada, poderá dominar o mercado, além de que suas informações de localização, por exemplo, são grandes armas contra os usuários do App. Em contrapartida, a regulamentação poderia tirar a questão do preço mais barato das corridas, porém, como foi dito no post, isso é o caminho para o domínio do mercado, de fato… Mas, de alguma forma, se impostos forem cobrados a eles, as tarifas de viagens praticamente irão se igualar a táxis comuns, podendo depreender-se que o Uber não seria praticamente mais necessário. Aí vemos o quanto o governo tenta acobertar suas próprias ações com aumentos de impostos que, consequentemente, deixam os táxis e transportes públicos mais caros.

  88. Anderson Dias disse:

    Bela matéria, porém tardia!
    Muitos ignorantes incapazes e ou exploradores idolatram a clandestinidade por fazer ele (a), se sentir importante por ter um motorista a ser explorado, verás em breve o que os taxistas tentam mostrar a sociedade, a verdade por traz da copiada modernidade.

  89. Carlos Galdino disse:

    Fica minha indignação , só em um paíz corrupto como o Brasil eles conseguem ficar, tiraram minha sustentabilidade, estou a beira de fazer uma merda, assim como outros colegas, a responsabilidade vai ser de vocês corruptos

  90. Rafael disse:

    Quanta porcaria dita aqui… Vcs acham certo as cargas tributárias e a BURROcracia que temos neste país? Tudo visa lucro ao estado ou ao poder público, de tudo que pagamos de impostos e taxas voltassem em benefícios ok, mas não é assim. Anda e de uber não é satisfazer vontade de andar de carro e pior ainda é o cretino ai dizer que andar de uber é se endividar no cartão, acorda pra vida! Brasileiro não conhece a palavra planejamento, conhece apenas financiamento… Não é porque muitos estão ferrados, que vocês com essa visão egoísta também acham que devem ferrar os ubers. Temos que desburocratizar e regulamentar, os taxistas sofrem, pois estão inseridos num sistema mafioso de controle de alvará e licença de pontos… Viva a concorrência! Viva a autonomia! Viva a independência! Ficar reclamando e dependendo de “direitos” que são ilusórios… Veja quanto Vc pagou de Inss todos esses anos, perde o emprego e recebe em 6 meses de seguro desemprego um total de 9 mil?!?! E isso você pagou em 1 ou 2 anos de trabalho, mas contribuiu por quanto tempo? Estudem economia, estudem politicas públicas, viagem, estou perdendo meu tempo escrevendo isso é estou em Roma agora… Sou funcionário CLT de uma empresa há 12 anos como qualquer um aqui, pago 27,5% de imposto de renda todos os meses mais o teto de Inss todos os meses. Pago IPVA e Dpvat do meu carro, pago caro no combustível, pago seguro devido os riscos de roubo e furto e mesmo assim com planejamento da para viver bem e quando preciso, eu pego um Uber e não quero que eles se ferrem pelo fato de eu me ferrar pagando tudo isso… O que eu faço? Estudo, aprendo e contribui com a minha sociedade sendo mais educado nas atitudes, sendo mais gentil, honesto, pagando os impostos em dia e buscando votar no candidato menos pior!

  91. Daniel Jalmusny disse:

    1 – Não concordo que o Uber possa monopolizar, já tem concorrentes.. 2- Quer monopólio e cartel maior que o dos taxistas?
    3 – Esbravejar contra a tecnologia e contra o capitalismo é jurássico. Leis trabalhistas podem ser adaptadas e melhoradas.

  92. Sandra disse:

    EU NÃO ENTENDO COMO O MINISTÉRIO PÚBLICO AINDA NÃO SE MANIFESTOU EM RELAÇÃO AOS APP DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS… A LEI É CLARA BASTA LER O Art n°252do CTB. ESSES APP SÃO MÁQUINAS DE FABRICAR MULTAS E ACIDENTES, POIS O UNICO MEIO DE COMUNICAÇÃO ENTRE CLIENTE X MOTORISTA X BASE É POR LIGAÇÃO OU SMS. ME DIZ, QUAL PROFISSIONAL QUE VAI PARAR O CARRO NESSE TRÂNSITO INSUPORTÁVEL PARA SE COMUNICAR???? ACORDA DETRAN, ACORDA MP JÁ PASSOU DA HORA DE VETAR A UTILIZAÇÃO DESSES APP DE TRANSPORTE. FALO POR EXPERIÊNCIA PRÓPRIA, POIS SOU TAXISTA HÁ 10 ANOS E NOS ÚLTIMOS 3 TEM SIDO COMPLICADO TRABALHAR SEM RECEBER MULTAS. E PRA AJUDAR ESSA BOSTA DE UBER VEIO PRA FERRAR MAIS AINDA COM A CLASSE…
    ESSE É O NOSSO BRASIL!!!

  93. Iuri Almeida disse:

    Texto totalmente tendencioso. Difícil dar credibilidade a este texto.

  94. Alfredo disse:

    Sou motorista Uber. Tenho certeza é pura convicção que no fim das contas, não dará pra pagar nem a manutenção do veículo. Por isso ando com cautela. No final do meu resumo é que saberei de fato se vale a pena.

  95. Alfredo disse:

    É interessante saber que alguém não consegue trafegar em vias públicas ou estradas sem que lhe seja aplicada uma multa……..as leis de trânsito são claras. É só obedece-las.

  96. Paulo saulo disse:

    Para a população e para os aplicativos o negócio é uma maravilha, agora para
    Quem presta serviço????…a esse preço de tarifas menos 25% não sobra nada.como alguém pode ser tão ruim de cálculo para saber que isso é um péssimo negócio. …

  97. Jorge luiz centeno disse:

    Mais o que estão esquecendo e também julgando os aplicativos é que a IPTC de transportes faz vistas grossas para o permissionario que tem 50 taxi alugando e explorando motoristas a maioria dos motoristas da noite são marginais e drogados… Também tem político no meio como o CLÁUDIO JANTA como pode eles estar liderando um mercado ilícito. .? Também dentro da IPTC.. Tem que fazer uma lavagens destes marginais uma CPI aqui em Porto Alegre.

  98. Robson marinho disse:

    Eu era motorista auxiliar de táxi no Rio de Janeiro e pagava 3.200 pelo um táxi manda esses hipócritas vim falar comigo para mim ficar no táxi porque eles não acabam com as empresas de táxi é simples porque são de políticos hipocrisia dizer que não aprovaram a lei por causa do presidente da Uber quando na verdade não aprovaram porque as empresas de táxi São dos políticos e do jeito que eles iriam aprovar acabaria com essas empresas de táxi e eu como taxista auxiliar receberia o meu alvará Então vamos largar de ser hipócritas e retardados de mente que eu não sou e não venha querer entregar isso em mim sou um cidadão consciente sei muito bem o que acontece e como funciona então largue de hipocrisia e fale a verdade bando de hipócritas puxa saco de político vocês têm que tudo é pro inferno

  99. Alexandre disse:

    Sou cliente , e tenho direito de andar no meio de transportes que mais me atende, nesse caso o UBER…. JÁ TIVE INÚMEROS PROBLEMAS COM TÁXIS NO RJ…

  100. Carlos Maia disse:

    Agora é só choro…. Porque não pensaram antes.
    O culpado disso acontecer são os taxistas.
    Pelo péssimo serviço que fazem.
    Aqui em Manaus… Taxista pergunta pra onde você vai???
    Se for posso não querem te levar..
    Preto dia passei Vergonha com minha família por isso.
    Taxista me fez sair do carro com minha esposa e minha filha de colo.
    Fui reclamar o FDP Não me deu atenção… Ee mandou procurar meus direitos.
    Ae vem o UBER… E Te leva pra onde você quiser.
    Então não venha reclamar pelo leite derramado.
    Esse é o castigo pelo péssimo serviço que oferecem para a população….
    Sou a favor do UBER Sim… Ee quem achar Ruim.. Venda seu taxi e vá trabalhar na UBER também.

  101. Luiz disse:

    Tão falando de leis trabalhistas essas leis que restringindo cada vez mais os pobres trabalhadores acabando com seus direitos em quanto isso os políticos que de veriam ter reforma tem muita regalia dois meses de férias em quanto o trabalhador tem um mês de férias e querem dividir em três isso é hipocrisia

  102. Paulo Roberto disse:

    Sabemos que na década de 90 ocorreu a abertura geral das multinacionais em nosso país. Hoje somos escravos modernos deste capitalismo devorador. Fazer o quê ? Lutar contra a modernidade? Não, e sim, estudar, ler, qualificar-se, etc.,pois podemos até consumir, mas com moderação. Estás empresas de aplicativos tem que ter compromissos no país que utiliza seus serviços. Está se falando dos aplicativos, mas o aparelho celular, as empresas telefônicas, os produtos chineses, as programações da tv a cabo, etc, tudo isto faz parte do nosso dia a dia, e daí? É claro temos o livre arbítrio de escolher o que queremos. Acima li que poucos utilizam ou só quem pode, não confere, pois conheço várias pessoas, com níveis sociais diferentes, que utilizam os aplicativos. Para encerrar, eu possuo três aplicativos, neste momento solicitei para minha esposa o menor preço, valor até o local de trabalho; ,R$ 9,76, se fosse o táxi: R$ 19,00. Lutar contra a modernidade ?E mais, no aplicativo eu acompanho, via GPS a rota desejada, no táxi não. Abraços.

  103. Claudinei disse:

    Porgue noa fazem leis corretas como diminuir o salario de todos os polticos e diminuir todos os impostos assim teria mais empregos

  104. Beatriz disse:

    Interessante a apontação quanto ao poder que a Uber exerce acima da lei ou sobre a carga horária de trabalho. Mas acontece que até funcionários de mercado, médicos e operários são submetidos a uma jornada acima de oito horas, assim comovemos as leis serem burladas até pelo próprio governo, e vemos isso quando deixamos de ter participações na imposição de novas legislações ou voz para defender nossas opiniões. Aconte e que o governo está preocupado com opoderque a Uber está adquirindo no território nacional, porque está sim reduzindo o desemprego, pois o motorista tem autonomia quanto a sua jornada, horário e dias de trabalho, e facilitando a vida dos passageiros, com valores de viagem que alcança quase 50% a menos do que uma viagem de taxi comum. Sabemos que há pontos negativos nessa corporação, mas nao podemos esquecer que há problemas sociais que nos atingem bem mais do que este e como os que foram apresentados na crítica que se manifestam em outras categorias trabalhistas também.

  105. levi scaramussa disse:

    O que DIZ O ( CBT) PARA TODOS TRASPORTADORES, DE CARGAS, E PESSOAS RENUMERADO TEM DE ESTAR DENTRO DAS LEIS. OU VÃO PASSAR POR CIMA DE MAIS ESTÁ ……ACORDA CONGRESSO ….ACORDA PREFEITURAS , ACORDA MINISTERIO PÚBLICO. ….ACORDA BRASIL .

  106. Ismael disse:

    Seu deputado vc anda de que ?????

  107. Albert disse:

    Se é pro “bem” dessa coletividade inconsciente que tem como pátria os EUA, acabe-se de uma vez com os táxis, pois só assim deixarão de tê-los com referência de preço e qualidade, e a Uber seguirá tranquila como todos querem, servindo de exemplo para todas as relações de trabalho, direitos nenhum, obrigações todas.Me parece que não restará outra profissão ao não ser motorista de Uber.Então,viva o uber, depois chorem.

  108. Gabriel disse:

    A questao e que os táxis eram um lixo abusivos e motoristas mal educados e relaxados por falta de concorrência agora bem algo de fora pq o q vem do brasil nada funciona como todos sabem agora a guerra é pra tirar algo q funciona pq taxistas não sabem o q significa direito de escolha do consumidor muito menos leis…

  109. Albert disse:

    Uber, a mais nova e poderosa das religiões e seus cegos fanatisssimos seguidores.A Universal que se cuide, kkkk.

  110. João Luis Correia disse:

    Vê-se a má intenção que se quer perdurar. Nos resta lamentar e continuar atendendo ao público que nunca foi atendido pelos taxistas.
    Pessoas enfermas em postos de saúde, estudantes em grupos se deslocando para os colégios, mães madrugadoras levando seus filhos para creche antes de ir trabalhar, passageiras meninas independentes de ter que pegar alguma carona com alguém alcoolizado e outros tantos usuários que nunca utilizaram táxis por várias razões. Viva, e que ser mantenho os aplicativos de mobilidade urbana Sem intervenção política partidária ou qualquer outra de interesses ocultos.
    In

  111. levi scaramussa disse:

    Viva o ( uber cabify viva as coisas ilegal ) que mente ….vão trabalhar 20 anos , e não vão poder se aposentar !!!! pois não tem pagar INSS . São ilegais. ….Não poderão provar a pprofissão …….. Acordem vocês também !!!!!

  112. Marcos Aurélio disse:

    Bem esclarecedor esse comentário nosso país está mergulhado em uma sujeirada so está questão dos app de “transportes privado” transporte clandestino como sempre foi chamado antes da vinda desse app ou melhor dizendo ainda são considerados exercício inlegal da profissão primeiro vai derrubar quebrar acabar com taxistas e vans escolares depois com as empresas de ônibus aí ninguém para mais eles vão entrar em tudo nesse país vendendo falsas promessas de ganhos assim como estão fazendo com os taxistas nesse país as pessoas que tomam decisões pelo povo não usa neuma serviços públicos não sabe como funciona nada e são eles e mídia que tomam decisões o serviço de táxi já trabalha com tal tecnologia que a mídia e os políticos e sistemas em dizer que foi criada pelos app de transportes privado tudo mentira e falta de informação dos legisladores de nosso país é o povo aceita mesmo sem segurança cheio de problemas com certeza não temos tantos problemas assim no táxi nem no transporte escolar sei pois sou usuário de todos digo mais pra nossa população não podem depois reclamar da redução do salário mínimo de todos os serviços públicos em decadência e digo mais aos funcionários públicos a uberizaçao vai ou já está chegando em vocês também um emprego que tinha estabilidade hoje ficam até sem receber vai acabar o .olé aí também vão trocar vocês por mão de obra mais baratinha pois os mais jovens Gastão menos com transporte pensem nisso e veja pra que caminho nosso país está caminhando

  113. Rômulo disse:

    #UBER
    Ninguém teve pena das locadoras de vídeo depois da internet, do Netflix e do YouTube, das máquinas de datilografia quando surgiram os computadores e o word, do Orkut depois do Facebook e do Twitter, dos orelhões quando inventaram os telefones celulares, das empresas de telefonia depois que inventaram o WhatsApp, das empresas que fabricavam fax quando agora é tudo resolvido por e-mail, dos classificados do jornal quando apareceu o OLX.
    O Uber ofereceu o que muitos dos taxistas não ofereceram por muito tempo: dar um serviço individual, conveniente, barato e de qualidade.
    Quantas vezes eu, ou algum de vocês, já tive corridas rejeitadas por taxistas, simplesmente por não serem interessantes financeiramente? Quantas vezes não pegamos algum taxista grosseiro, sem educação ou fedido? (sem generalizar). Agora os taxistas estão choramingando por causa do Uber e querem proibir, inclusive utilizando a violência, algo que veio para conceder um benefício para a sociedade?
    O UBER está para o táxi assim como o antibiótico está para a infecção.
    Poupe-se, poupe-me, poupe-nos!
    O dinheiro é meu e eu exijo poder escolher que serviço usar e pagar!
    Se você também é a favor do Uber, copie e cole.
    #souafavordouber ….! # NÃO PLC 28

  114. Dirceu Gonçalves do Prado disse:

    Se nossos políticos tivessem moral poderiam até pensar em se intrometer em em algum tipo de regularização.
    Mas o que está ocorrendo acho que a maioria da população já tem conhecimento.
    Querem levar o deles em algo que está sendo lucrativo. Basta ver quem é o autor do projeto

  115. ivan disse:

    Como o existem idiotas nesse país, falar que existem cartel e cobram caro por uma diária de táxis de motorista que não tem despesa nenhuma com o táxi, e no entanto as locadoras de veículos estão locando para os motoristas do uber cobrando um absurdo e vcs não diz Nada?

  116. ruben garcia disse:

    ACORDEM ! A 99 E CHINESA…! pago 320.000 000
    para operar no Brasil…… pago a quem !
    A propietaria de Uber (e outras) e T.P.G. investments (texas) e opera com Goldman Such e Google Venture…..e va embora com dinherinho dos brasileiros,a paradisos fiscais ,via Holanda……

  117. Anon disse:

    Não que a Uber deva estar acima da lei, mas chamar a preferência pela empresa como “fetichização” tira qualquer empatia pelos argumentos desse artigo. Pessoas constantemente reclamam do péssimo serviço prestado pelos táxis. O Uber lucra com a falta de segurança.

  118. Francisco Daniel Teixeira disse:

    Boa tarde, concordo em baixar a tarifa cobrada dos motoristas de 25% para 8% como é nos EUA, porém quanto as leis impostas pelos Senadores que seriam vistorias todos os anos e colocar placa vermelha nos veículos trariam uma cobrança a mais e uma burocracia desnecessária, também concordo que a Uber deve ter vínculo empregatício, podendo assim aos motoristas buscarem seus direitos não pagos pela Uber na justiça do trabalho, no mais o aplicativo funciona muito bem como está e não precisa de quaisquer ajustes a mais, só os que citei acima, ficando assim com a diminuição da taxa é vínculo empregatício excelente para os motoristas e a Uber continuaria lucrando sem ter carro algum e os clientes continuariam a se deslocar de maneira melhor, quanto aos impostos, já pagamos demais e não temos retorno, mesmo assim o governo já lucra com os combustíveis, óleos e manutenção dos veículos, já é mais do que suficiente para um governo corrupto e que não pensa nos interesses da população, obrigado.

  119. RLima disse:

    Muito tendenciosa, feita por alguém que não sabe nada do que se passa na realidade do povo… fetiche por carro…mero escritor vem andar de ônibus aqui em São Luís-MA(único transporte público que temos), Se você conseguir entrar em algum depois do empurra,empurra lhe dou 90% de chances de ser assalto no caminho… Táxis aqui são para ricos pelo preço que cobram… Vocês não sabem nada da realidade do Brasileiro e ficam aí falando palavras bonitas, besteira… só teoria nesta…me poupem!

  120. Cláudio Amanajás disse:

    A reportagem só “esqueceu” de citar o ponto principal da PLC28 que iria sim inviabilizar os aplicativos: a exigência da placa vermelha, que é sabido por todos a máfia que rola por trás desse mercado negro.

  121. Romero machado da Silva disse:

    Tudo e possível no Brasil, basta pagar, agora tem comentarista aqui que está dizendo ser taxista e que gosta dos Apps conforme estão, isso é conversa de quem dirige Uber e não de TAXISTA.

  122. levi...... disse:

    Os coitados motorist do ( uber e Cabifay ) não sabem que placa vermelha seria bom , pois teriam direto de comprar carro c/ 30% de desconto ….direito de ponto fixo e outros benefícios! !!!….só para não pagar mais impostos ……….vocês tambem precisão ACORDAR………Rapaziada…

  123. Juvenal jacomin disse:

    O autor da matéria tem conhecimento de causa e se expressou com muita propriedade, não havíamos pensado por esse lado

  124. Marco Antonio disse:

    Que seja para todos.
    Os donos de taxis tem q trabalhar e não alugar para motoristas auxiliares.
    Quero ver os donos de 4 autonomias trabalhsrem em todas ao mesmo tempo.

  125. Fabio Feliciano disse:

    É óbvio que a aprovação desse projeto favorecendo os aplicativos foi estranha, rasgaram de vez o nosso código de trânsito, pois o art. 135 do CTB fala que o veículo de aluguel é o que transporta coisas ou bens mediante remuneração, devendo usar placa vermelha, uma moto de entrega ou um furgão da padaria usam placa vermelha, essa é a regra ditada pela legislação federal de trânsito, como pode os motoristas de aplicativos ficarem livres disso é muito pior como podem os senadores aprovarem uma lei que vai de encontro a outra da mesma Seara federal, um paradoxo, firmando a posição da Uber que se diz uma empresa de tecnologia, oferece tecnologia, uma afronta a nossa inteligência. Se a moda pega tudo que for oferecido via aplicativos não precisará se sujeitar a nada, grande brecha para as ilegalidades.

  126. Souza disse:

    A verdade é só uma. Hoje o pobre e classe média conseguem se locomover com um táxi, não é amarelo, mais presta um serviço melhor, com mais respeito e muito mais barato. Gente o pobre hoje faz compra no Guanabara e vai pra casa de uber. Os táxis amarelo cobram por cada bolsa que entra na.mala. No aeroporto é a mesma coisa. Acabou esse absurdo. Eu e toda minha família e se bobear, meu bairro só usa App.
    Isso veio pra ficar.

  127. Albert disse:

    Hoje o Uber é maravilhoso, serviço de excelência, motoristas educados, não cometem crime algum, amanhã quando conseguirem o monopólio ou não e os preços estiverem nas nuvens, vão começar as choradeiras, que serviço péssimo,carros sujos, motoristas grosseiros, não tem mais bala nem água, perigoso, há muitos estupradores, kkkk. É só esperar.

  128. Carlos Antonio Mendes disse:

    Me admira a Cegueira e ingenuidade desse pessoal aqui, e olha que tem um monte de Engenheiro trabalhando Pro UBER. Esses deveriam saber fazer conta. Pois o valor pago pelo Uber não cobre as despesas com o veículo e é por isso que o veículo tem que ser novo ou seja”por conta do motorista”.
    O usuário do Uber adora o aplicativo afinal paga muito barato mas, a custa dos motoristas que compraram seus carros com o antigo trabalho formal e agora no desemprego só vê essa saída e colocam seu carro pra se desgastar pra sustentar o Uber e o Usuário que só quer levar vantagem.
    Quando nosso povo deveria era lutar por mais transporte coletivo de qualidade como o Metrô que seria a solucao nas grandes cidades.

  129. levi...... disse:

    Agurdem : ………médicos . Dentista , advogados, engenheiros , contadores , infermeiros e etc……..ube com tudo isso e algo mais em breve .ADEU faculdades

  130. MARCELO ALEXANDRE RUIZ disse:

    Boa tarde!
    Algumas “erratas” neste texto.
    – O PLC 28/2017 foi aprovado, porém, retornou para a Câmara dos Deputados a fim de retirar os tópicos que certamente iriam descaracterizar a modalidade da prestação de serviços de transporte de pessoas por Apps.
    – Sendo a UBER uma empresa de tecnologia, não há características de vínculo empregatício, uma vez que eu, como motorista, detenho 75% dos lucros obtidos nas viagens realizadas com meu veículo, bem como, deliberadamente, organizo os horários e rotas nas quais atendo seus usuários, sem quaisquer questionamentos sobre isso por parte da empresa.
    -Ante ao caos social brasileiro provocado pela má distribuição de renda e achatamento das profissões (diga-se de passagem como principais agravantes, a crise econômica e a reforma da CLT), a modalidade de transporte por APPs causaram grandes impactos positivos econômicos e sócio-culturais, considerando em destaque, melhorias na geração de renda e na mobilidade urbana.
    – As empresas de transporte por APPs e seus parceiros (motoristas) sequer estão irregulares, tendo em vista que os veículos cadastrados nestas plataformas digitais estão devidamente regulamentados nos parâmetros da CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988 e da LEI Nº 9.503, DE 23 DE SETEMBRO DE 1997, que institui o CÓDIGO DE TRANSITO BRASILEIRO. Ou seja, ao atuar nesta atividade remunerada, cumprimos exatamente as Leis pertinentes ao fato de sermos cidadãos e motoristas habilitados para circular nas ruas com veículos motorizados.
    Para finalizar, digo que desde o meu 1º passageiro atendido pela UBER em meu veículo, tenho total ciência das condições de trabalho e dos prós e contras que enfrento todos os dias, bem como, das ações que devo implantar para manter a qualidade dos serviços prestados, integridade e segurança minha e de meus passageiros.

  131. Fabio Henrique disse:

    Que texto bizarro, os autores ou não entendem muito de política e economia ou preferem simplesmente ignorar a verdade. Os direitos que protegem taxistas não passam de reserva de mercado afim de proteger uma classe altamente politizada
    e dominada pela corrupção.Falam do poder político da empresa e omitem os milhões de trabalhadores e usuários que dependem dos aplicativos. Acusam o Uber de monopólio mas esquecem que o taxi já é uma forma de monopólio e que existem vários aplicativos concorrentes do Uber, inclusive superiores, como o Cabfy. São preconceituosos também, ao considerarem problemático alguém que não tem condições de ter carro próprio querer ter mobilidade… Ao olhar o currículo dos autores fico pensando se é elitismo ou pura ignorância que movem esse tipo de pensamento.

  132. Carlos Fuser disse:

    Em São Paulo, o maior amigão do UBER foi o ex-prefeito Haddad.

  133. Rogério disse:

    Quem pode advogar a favor da Uber são os usuário, pois estao se beneficiando do modelo escravocrata, mais os parceiros coitados, estes estão brigando por uma ilusão.Pois são descartáveis, não tem valor nenhum pra Uber.

  134. Andreia disse:

    Boa reflexão – se extinguirmos o trecho preconceituoso acerca do que move a população para utilização do Uber.

  135. Rogério disse:

    E tem idiota comparando alhos com caralhos, o que tem a ver Netflix/locadoras com transporte de passageiros? Nos estamos falando de transportar vidas, ou suas vidas não significam nada? Imaginem que por conta dos maus policiais resolva-se fazer um app que intermedie o cidadão que precisa de segurança e qualquer pessoa que tenha uma arma em casa possa prestar esse serviço, sem se importar com sua conduta e seus antecedentes,apenas um precinho módico, o que todos gostam, ou um app que intermedie um usuário a milhares de barquinhos pra fazer a travessia da Baia de Guanabara sem serem fiscalizados, sem levar em conta as condições e documentacão da embarcação, apenas o precinho,estaria certo? Então amigos cuidado com as comparações.Raciocinen ao invés de só replicarem o que dizem, como fazem os lindos papagaios.

Os comentários estão desabilitados.