Contrapartidas, Cultura, Livros, Política

“Outubro”, de China Miéville, agora oferecido por Outros Quinhentos

Um relato original da Revolução Russa, incorporando todas as descobertas arquivísticas pós-1989 e pesquisa acadêmica. Quem contribui com Outras Palavras concorre a cinco exemplares.

Por André Takahashi

China Miéville é um autor de ficção inglês, um dos poucos que coloca no centro de suas histórias as massas de proletários oprimidos e rebeldes. Miéville começou a ter suas obras publicadas no Brasil pela Boitempo, parceira do Outros Quinhentos, programa de autofinanciamento do Outras Palavras. Os outros dois livros publicados no Brasil são as ficções: “A cidade e a cidade” e “Estação Perdido”.

Miéville construiu Outubro a partir de vasta pesquisa. Não vê sua obra como ficção. Militante da New Left, alegra-se de ter lançado um livro com esta temática no ano que se comemorou 100 anos da Revolução Russa. Em sua escrita, não poupa críticas a todos os líderes da revolução russa, confundindo leitores mais dogmáticos cujas visões da história tendem a ser cristalizadas em torno do líder de sua preferência. 

Miéville, longe de fazer uma crítica à direita demonstra que ainda há espaço na esquerda para uma militância não aderida, para críticas e autocríticas sem jogar fora a rica experiência da revolução russa. Mais que seu talento na escrita Outubro mostra um Miéville capaz de transitar em todas as zonas do debate ideológico da esquerda, mantendo o máximo de objetividade combinado com seu domínio da prosa. 

Caso você seja contribuinte do Outros Quinhentos pode concorrer a um dos 5 exemplares em sorteio, preenchendo o formulário abaixo até o meio-dia de quinta-feira 08/02/2017. Já para comprar dezenas de livros com até 60% de desconto, basta acessar a nossa loja virtual, Outros Livros, e utilizar seu cupom de desconto de [email protected] Caso tenha se esquecido dele, por gentileza, escreva para [email protected]

Author


Avatar