De Olho no Supremo

In De Olho TV

Assessor especial de Temer, que foi com ministro ao barco, é empresário do agronegócio; lá, encontrou-se com antigos colegas de bancada

O Senado sabatina nesta terça-feira (21/02) o ex-ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, indicado por Michel Temer para ocupar, no Supremo Tribunal Federal, a vaga ocupada por Teori Zavascki. Há duas semanas ele esteve numa chalana no lago Paranoá, pertencente ao senador Wilder Morais (PP-GO). Quem estava presente?

De Olho TV mostra que o “barco do amor” do senador tinha maioria ruralista. Não somente pela maioria de senadores presentes, como Cidinho Santos (PR-MT), Zezé Perrella (PMDB-MG) e Benedito de Lira (PP-AL), além do próprio dono da chalana.

Mas também por uma presença pouco explorada pela imprensa brasileira: a do empresário do agronegócio Sandro Mabel, assessor especial do presidente Michel Temer. Deputado por mais de dez anos, ele tem a função de fazer costuras com o Congresso – onde pertencia à bancada ruralista.

Alexandre de Moraes tem um histórico de defesa da propriedade privada, no que se refere aos conflitos no campo, e de ataque aos movimentos sociais.

De Olho TV é um programa quinzenal de WebTV, produzido pelo De Olho nos Ruralistas, um observatório sobre agronegócio no Brasil. Confira o canal no YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCg0ltZmZAXnr9zHUFswKI7A/featured

You may also read!

Executivo da JBS nos EUA recebe 450 vezes mais que os trabalhadores

Funcionários da Pilgrim's não têm tempo de ir ao banheiro; empresa de frango controlada pelo grupo é uma das

Read More...
Vidal Helgeser e Sarney Filho Crédito: José Cruz/ Agência Brasil

Ministro diz que “apenas Deus” pode garantir queda no desmatamento

Manobra para aprovar medida contra reservas ambientais é revelada, em meio a cortes de incentivos pela Noruega; Sarney Filho culpa

Read More...

Prefeitura de Campo Grande demite únicas tradutoras indígenas na Casa da Mulher

MS aparece no 5º lugar em violência doméstica contra mulheres e tem 2ª maior população indígena; demitidas faziam tradução

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu