A canção cubano-gaúcha de Pássaro Poeta

170802-PassaroPoeta

Poemas de Tony Guerreiro, um dos Cinco Cubanos que EUA aprisionaram até 2015 são musicados por compositores brasileiros e lançados em CD

Por Kátia Marko


MAIS
Para ouvir algumas das canções, tocadas no lançamento do CD: aqui
Para comprar o CD: aqui, via internet;
ou, presencialmente, em Outras Palavras:

Rua Conselheiro Ramalho, 945 – sala 2 – Bixiga – São Paulo

No dia 13 de junho foi lançado em Porto Alegre o CD Pássaro Poeta, com poemas de Antônio (Tony) Guerrero, musicados pelos músicos gaúchos Dão Real e Zé Martins (Grupo Unamérica), Pedro Munhoz e Raul Ellwanger.

A ideia de produção deste CD acompanhado de um livreto como encarte, surgiu no Fórum Social Temático 2010, no evento Casa Cuba, realizado na cidade de São Leopoldo/RS. Na ocasião, o músico cubano Vicente Feliú entregou aos quatro músicos gaúchos poesias inéditas de Antônio Guerrero, compostas dentro de uma prisão nos Estados Unidos em novembro e dezembro de 2009.

Antônio (Tony) Guerrero é um dos “Cinco Cubanos” que se encontravam presos nos EUA até o início de 2015, condenados por espionagem, desde 1998. Juntamente com Gerardo Hernández, Ramón Labañino, René González e Fernando González, atuavam combatendo e denunciando ações terroristas de grupos extremistas de origem cubana em Nova Jersey e na Flórida.

Diversas campanhas internacionais pediam a liberdade dos cinco cubanos que arriscaram suas vidas para salvar vidas de seus compatriotas. Pela ação deles, muitas tentativas de atentados terroristas contra a ilha de Cuba foram frustradas. Manifestações de várias celebridades defenderam também a causa da liberdade dos Cinco Patriotas, dentre as quais, o ex-presidente Jimmy Carter, os Prêmios Nobel Wole Soyinka, Nadine Gordimer, Demond Tutu, Rigoberta Menchú, Adolfo Pérez Esquivel, José Saramago, Harold Pinter, Zhores Alfirov e Günter Grass.

A sonoridade musical registrada no CD Pássaro Poeta nos transporta para lugares e épocas deste vasto continente, através da variedade de instrumentos como as primitivas flautas de taquara e de argila, a viola caipira com afinação cebolão e o violão, que tecem melodias com o charango (pequeno instrumento andino de dez cordas), a rabeca (variação artesanal do violino), o acordeon, o triângulo e a zabumba. Produzem assim, baiões, milongas, zambas, xotes, bois e sambas, resultando em molho musical bem latino. Ao todo, este conjunto produz uma sonoridade ao mesmo tempo primitiva e universal, unificando a latina América pela arte, tendo a música como principal instrumento.

O CD registra a história do poeta, suas poesias, desenhos e pinturas, com textos sobre o tema da promoção dos Direitos Humanos e da Autodeterminação dos povos. A realização deste projeto é uma pequena contribuição de um coletivo de músicos brasileiros e latinos americanos para as campanhas de solidariedade ao povo cubano, que juntam-se às milhares de vozes que pedem a liberdade, justiça e afirmação dos Direitos Humanos.

Participaram das gravações, além dos próprios compositores, os músicos Pedrinho Figueiredo, Demétrio Xavier, Clary Costa, Loma Pereira, Luciano Camargo, Dilson Silva (Jóia), Rodrigo Agiova Tups (Ruivo), Joca Prxyczynski, Galba, Maestro Emanuel Jorge, Rômulo Filho, Manoel Filho, Everton Vargas, Luiz Jakka e Victor Batista (Brasil), Maurício Figueral e Vicente Feliú (Cuba), Gabo Siqueira e Paula Ferré (Argentina).

Saiba mais:

Página no Facebook: https://www.facebook.com/Passaropoeta/

Fotos: Yamini Benites

TEXTO-FIM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *