Poemas destinados a surpreender

150224_Livro Solange
Obra de Solange Padilha “trabalha o corpo e o movimento das palavras, como um dançarino num palco em brasas — e não queima os pés”

Por Inês Castilho

Chega a São Paulo Escrita Labial, um livro com “finas doses de poesia”. A autora, Solange Padilha, nasceu em Belém do Pará e vive no Rio de Janeiro. Feminista, participou dos primeiros coletivos de mulheres no exílio durante a ditadura militar, em Paris, e de volta ajudou a fundar o jornal Nós Mulheres, em São Paulo. Formada em Ciências Sociais pela Sorbonne e doutorada em Antropologia pela PUC-SP, publicou dois livros de poemas: Saphographia (1987) e Dadaandaainda ( 1992).

No Rio, onde foi lançado, Escrita Labial mereceu comentários elogiosos e uma rara resenha de Elias Fajardo (O Globo, 27.12.14), “Convite a uma viagem rumo ao desconhecido”.

Do poeta, compositor e diretor de teatro baiano Jorge Salomão, ouvimos que a poesia de Solange “… trabalha o corpo e o movimento das palavras, como um dançarino num palco em brasas, e não queima os pés, voa e espalha luzes e sensibilidades”.

A psicanalista e escritora argentina Liliana Clay Heer fala de “atalhos inesperados que incitam um retorno à letra, armando novos sentidos, bifurcações, suspensões (…) no ritmo de uma melodia de ternura selvagem.” E cita:

“Que você queira deixar de me querer
não é culpa tua
nem minha
escapa ao discernimento
escapa porque é grande”

Já o poeta e tradutor Leonardo Fróes observa, na quarta capa do livro: “Por toda parte o mesmo grau de abertura. Diversidade. Flagrantes. Vinhetas. Esculturas verbais. Insuspeita vocação e invocação à desordem, como os cipós que se amarram pelos troncos na mais ordeira enroscada para chegar ao sol e sorrir. Autenticidade pela raiz. Finas doses de poesia, como esta com que Solange nos brinda:

“Sinto a dor que morde.
Bato asas.
Asas batem ao vento.
Mordem a dor.
Sinto o vento bater asas.
Rumo ao norte.
Não há mais dor.”

O lançamento será nesta segunda, 2 de março, no Bar Balcão (Rua Melo Alves, 150, Cerqueira Cesar, tel. 3063.9061), a partir das 19 horas.

Escrita Labial, Editora Ibis Libris, 147 páginas, R$ 35,00

TEXTO-FIM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *