“Carne Fraca”: por que a imprensa blinda Blairo Maggi?

blairo-ebc

(Foto: EBC)

PF fez busca a apreensão no gabinete do ministro, em sala que abriga responsáveis por contato com o Congresso; em agosto ele reduziu fiscalização sanitária

Por Alceu Luís Castilho (@alceucastilho)

De Olho nos Ruralistas informa: ““Carne Fraca”: PF fez busca e apreensão no gabinete de Blairo Maggi“. Não na sala específica do ministro da Agricutura, mas no gabinete, no mesmo andar – na sala onde ficam os responsáveis pela articulação política e pela relação com o Congresso. A grande imprensa não deu, embora a informação (com endereço e tudo) esteja escancarada na lista de busca e apreensões divulgada pela Polícia Federal.

Não deu porque é distraída ou porque há interesse de patrões e editores em blindar o ministro?

Em agosto, Maggi anunciou que reduziria a fiscalização sanitária. Foi uma das medidas anunciadas no plano Agro+. A imprensa também ignorou. É novamente o De Olho nos Ruralistas – um observatório sobre agronegócio no Brasil – que informa, em notícia na semana de inauguração do site, em setembro: “Maggi reduz fiscalização sanitária: ‘É o mercado que vai punir quem faz coisas erradas'”. Continuar lendo

Idec: Brasil importa frutas com agrotóxicos ilegais

Dados constam de última pesquisa do governo; pesquisadora Ana Paula Bortoletto diz que Brasil trabalha com amostras insuficientes para tamanho do problema

Por Alceu Luís Castilho (@alceucastilho)

Da Espanha vem a uva. Com agrotóxicos proibidos, no Brasil, para a produção dessa fruta – em todas as amostras analisadas pelo governo brasileiro. Da Itália, o kiwi: quatro entre as cinco amostras apontam utilização de agrotóxicos não permitidos. Do Uruguai, a maçã. Igualmente envenenada, com quantidade de pesticidas acima do limite tolerável. Todos os dados constam de um levantamento divulgado em junho pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que passou despercebido da imprensa.

“Os alimentos que a gente está importando para consumir no Brasil também estão contaminados, e com alimentos impróprios para a cultura”, aponta Ana Paula Bortoletto, pesquisadora do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec). Ela analisou os dados do Ministério da Agricultura em entrevista ao De Olho nos Ruralistas, um observatório sobre agronegócio no Brasil. Continuar lendo

Kátia Abreu volta ao Senado sob aplauso da base de Temer

Ministra de Dilma foi recebida com mesura pelos tucanos Aloysio Nunes e Antonio Anastasia, relator do impeachment; pais de ministros também a elogiaram

Por Alceu Luís Castilho (@deolhonoagro*)

De volta ao senado, após 1 ano e quatro meses, Kátia Abreu (PMDB-TO) ganhou nesta semana fartos elogios de senadores que votaram pelo impeachment de Dilma Rousseff. Aloysio Nunes (PSDB-SP), produtor de látex em São Paulo, disse que teve seus pleitos atendidos por ela. Garibaldi Alves (PMDB-RN), Fernando Bezerra (PSB-PE), Ana Amélia (PP-RS), Waldemir Moka (PMDB-RS) e o relator do processo de impeachment no Senado, Antonio Anastasia (PSDB-MG), participaram do beija-mão.

Bezerra e Alves são pais de deputados que foram nomeados ministros pelo interino Michel Temer: Fernando Filho, da Integração Nacional, e Henrique Eduardo Alves, do Turismo. Valdir Raupp (PMDB-RO) disse que ela foi uma ministra “completa”. “Todas as regiões estão satisfeitas. Blairo Maggi assume um ministério redondo”, afirmou. “Vossa Excelência revolucionou aquela pasta”, arriscou Anastasia. Continuar lendo

As aventuras de Kátia Abreu no país do Twitter – agora contra o Aedes

katiaabreu-palmas

Guerra efusiva, com pose para fotos, desfile com políticos e sorrisos (Reprodução/Twitter)

Ministra participou da campanha do governo contra o Aedes aegypti, mas em um tom acima de efusividade; ela escolheu o Tocantins como palco de suas atividades

Por Alceu Luís Castilho (@alceucastilho)

O ministro da Saúde lançou neste fim de semana a campanha #zikazero na Bahia. Até é possível ver foto dele sorridente em algumas ações de enfrentamento ao mosquito. Mesmo a presidente Dilma Rousseff distende a liturgia do cargo ao cantar “Cidade Maravilhosa”, no Rio, quando um morador tocou a música no saxofone, durante visita de casa em casa com o prefeito Eduardo Paes, no sábado, dia nacional de combate ao Aedes Aegypti. Mas nada que se compare ao espalhafato da ministra da Agricultura, Kátia Abreu.

Já escrevemos aqui sobre o modo peculiar com que ela descreveu viagem a trabalho pela Ásia, no Twitter, alternando descrições das atividades oficiais com as visitas deslumbradas a cartões postais. Usuária ativa da rede social, ela descreveu desta vez de modo efusivo as atividades de combate ao mosquito em Palmas e em Porto Nacional (TO), conhecida como “a capital do agronegócio”. Ela não se faz de rogada ao posar para fotos, como se estivesse, digamos, lançando os jogos mundiais indígenas ou participando de uma atividade eleitoral. Continuar lendo

Kátia Abreu na Ásia, entre mármores, lustres e tapete “feito por mil mulheres”

katiaabreu-mesquita

Ministra da Agricultura está desde o dia 7 em missão comercial pelo Brasil; confira algumas impressões de viagem da dama de ferro do agronegócio

Por Alceu Luís Castilho (@alceucastilho)

A ministra da Agricultura, Kátia Abreu (PMDB), está desde o dia 7 em viagem pela Ásia. Começou na Arábia Saudita, passou pelos Emirados Árabes Unidos, pela Índia e foi – não é a primeira vez – para a China. O perfil dela no Twitter, “Ministra Kátia Abreu” (@KatiaAbreu), é bastante ilustrativo de suas preocupações nestes dez dias. Inúmeras fotos da missão comercial brasileira, das visitas a lugares turísticos (alguns, nababescos), um único comentário sobre o atentado em Paris. Sobre Mariana (MG), silêncio. Segue um resumo. Continuar lendo